Futebol

Barcelona e Valência terão que reduzir salários em 40%

por Redação
A
A

A LaLiga reduziu o teto salarial de seus clubes para a temporada 2020/21, o que significa que alguns de seus maiores clubes serão solicitados a fazer cortes drásticos em seus salários.

O Barcelona e o Valência terão que fazer reduções salariais de aproximadamente 40% para a campanha atual, enquanto o Real Madrid e o Atlético Madrid precisam ambos fazer ajustes de 27%. Cada clube tem um teto salarial diferente que é calculado com base em uma série de fatores, tais como receitas, custos e dívidas.

publicidade
publicidade

O Barça pode gastar quase 383 milhões de euros em salários, em comparação com 671 milhões de euros na última temporada.

O Real Madrid, por sua vez, tem o maior limite para a campanha em 468 milhões de euros, contra 641 milhões de euros da temporada anterior.

O Atlético, que terminou em terceiro lugar em 2019/20, terá mais de 252 milhões de euros para gastar. O Sevilla, que completou as quatro primeiras posições na última temporada, tem um limite salarial próximo a 186 milhões de euros.

publicidade

Site da ESPN tem recorde, e canal vê triunfo de estratégia