Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Futebol / Futebol Feminino

Em primeira ação pós-compra, Centauro patrocina transmissão do Desimpedidos

Erich Beting Publicado em 16/04/2021, às 09h52

Imagem Em primeira ação pós-compra, Centauro patrocina transmissão do Desimpedidos
Desimpedidos terá trio feminino nos comentários e reportagens da transmissão de São Paulo x Grêmio
Divulgação

A primeira transmissão ao vivo de um jogo de futebol do Desimpedidos terá o patrocínio de uma empresa que, desde o final do ano passado, se tornou “irmã” do canal. A Centauro, carro-chefe do Grupo SBF, que recentemente anunciou a compra da rede NWB, dona do Desimpedidos, vai ser o principal anunciante da transmissão de Grêmio x São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro de futebol feminino.

“O futebol feminino vem ganhando cada vez mais espaço entre os fãs de esporte. E, na mesma medida, a plataforma feminina vem ganhando cada vez mais relevância dentro das nossas lojas, com uma infinidade de produtos e iniciativas voltadas exclusivamente para as mulheres. Assim, faz muito sentido para a Centauro patrocinar a transmissão desses três jogos do Brasileirão Feminino pelo Desimpedidos”, afirmou Gustavo Milo Marasco, gerente executivo de marketing da Centauro, em entrevista à Máquina do Esporte.

A ação entre as duas empresas é a primeira após a compra da NWB, por R$ 60 milhões, ter sido anunciada pelo Grupo SBF. De acordo com Marasco, a ideia é usar o evento ao vivo para se aproximar do público fã de futebol feminino e, claro, converter visitantes para a plataforma da Cenaturo.

“Num primeiro momento, o nosso patrocínio se dará dentro da transmissão, com peças de comunicação institucional e promocional. Também ativaremos esse patrocínio comunicando a nossa marca pelas redes sociais do Desimpedidos e nas próprias redes da Centauro, como o perfil Centauro Futebol”, disse.

Leia a seguir a entrevista completa com o executivo:

Máquina do Esporte: Por que a decisão de patrocinar a transmissão do Desimpedidos?

Gustavo Milo Marasco: Faz parte dos valores da Centauro democratizar o acesso e incentivar o desenvolvimento do esporte no Brasil. Em 2020, nos tornamos patrocinadores da transmissão da Conmebol Libertadores no Facebook e agora em 2021 somos patrocinadores exclusivos do Projeto de Clubes, com direito de promover a nossa marca em conteúdos produzidos pelos maiores clubes de futebol do país nas redes sociais. Dentro de futebol, também apoiamos o projeto Doe Gols, do SporTV no ano passado, entre outras iniciativas.

O futebol feminino vem ganhando cada vez mais espaço entre os fãs de esporte. E, na mesma medida, a plataforma feminina vem ganhando cada vez mais relevância dentro das nossas lojas, com uma infinidade de produtos e iniciativas voltadas exclusivamente para as mulheres. Assim, faz muito sentido para a Centauro patrocinar a transmissão desses três jogos do Brasileirão Feminino pelo Desimpedidos.

Por meio de seus canais originais e afiliados, a NWB construiu uma legião fiel de seguidores. Esse passo, inclusive, do lado deles, é também uma oportunidade de elevar ainda mais a modalidade e o interesse de fãs e consumidores. Afinal, trata-se de um ativo com mais de 81 milhões de seguidores no Instagram e 73 milhões de inscritos no Youtube. Do nosso lado, passamos a nos valer dessa audiência para nos aproximarmos desse público, tão relevante para nós, reforçando nossa autoridade e presença no futebol nacional.

ME: De que forma vocês vão ativar esse patrocínio?

GMM: Num primeiro momento, o nosso patrocínio se dará dentro da transmissão, com peças de comunicação institucional e promocional. Também ativaremos esse patrocínio, comunicando a nossa marca, através das redes sociais do Desimpedidos e as próprias redes da Centauro, como o perfil Centauro Futebol.

ME: O desejo de transmitir jogos por streaming foi dito desde o anúncio da compra. Esse é um primeiro teste de como esse projeto pode funcionar?

GMM: Sim, com certeza. Esse é um primeiro exemplo entre as diversas possibilidades que o Grupo SBF passa entregar a partir de agora, ao ter a NWB e a Centauro dentro de um mesmo ecossistema. A partir da transmissão pela NWB, a Centauro tem uma oportunidade muito valiosa de se aproximar ainda mais da audiência de futebol feminino, provendo o acesso a um conteúdo de qualidade, irreverente e conectado com os valores da nossa marca.

ME: Existe a ideia de a própria Centauro transmitir jogos, como a Bud tem feito com a NBA?

GMM: Há muitas formas de nos aproximarmos cada vez mais da audiência esportiva e estamos sempre avaliando possibilidades como essas, pois temos que nos fazer presentes, com contexto e relevância, onde a atenção do nosso público está.