Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Futebol / Digital

Exclusivo: Coritiba vai lançar streaming próprio

Duda Lopes Publicado em 27/11/2020, às 08h44

Imagem Exclusivo: Coritiba vai lançar streaming próprio

O Coritiba vai anunciar, no próximo sábado (28), uma plataforma própria de streaming, para conteúdo sob demanda e também para transmissões ao vivo de eventos. Além de ampliar as possibilidades de comunicação do clube, o projeto, feito em parceria com a TV N Sports, tem como objetivo criar uma solução de transmissão para o próximo Campeonato Paranaense.

Atualmente, o DAZN detém os direitos de transmissão da competição em 2021, mas o acordo permite que os clubes façam transmissões de suas partidas. E, frente à redução da operação da empresa no Brasil, o Coritiba decidiu criar outro caminho.

Em conversa com a Máquina do Esporte, o diretor de marketing do Coritiba, Rafael Saling, lembrou das dificuldades deste ano com o Covid. "Aquilo tudo que nós imaginávamos que iria ocorrer somente em 2024, com renegociação de direitos, com uma nova dinâmica com streaming, foi acelerado neste ano. Temos que preparar algo para o nosso torcedor, para o nosso público. E visualizar uma proteção ao que o clube pode ter de receita", comentou o executivo. 


Mesmo sem o DAZN, o processo de transmissão não será simples, porque a MP do mandante caducou e não foi transformada em lei. Com isso, o clube terá que acertar com as equipes adversárias para fazer uma transmissão própria. A diretoria do clube, no entanto, acredita no bom andamento de uma negociação em grupo.

A plataforma nova já entrará em funcionamento no fim de semana. Por ora, ela será gratuita, diferentemente da que o Athletico, maior rival do clube, possui. O Coritiba reúne uma série de conteúdo para torná-la atrativa aos torcedores. Haverá vídeos sob demanda feitos pelo clube e por parceiros, além de uma rádio da equipe e transmissões ao vivo de jogos da base e da equipe feminina.


Independentemente da transmissão do Campeonato Estadual, a nova plataforma de streaming do clube faz parte do plano do Coritiba em reunir o maior número de cadastros de torcedores. Com uma base de dados sólida, a diretoria da equipe teria um novo meio para buscar parceiros e outras formas de remuneração. 


Rafael Saling lembra a força local do clube dentro da cidade de Curitiba; a ideia é aproveitar o máximo possível essa reunião local de torcedores. 


"Queremos ser o clube mais digital do Brasil. Nessa vanguarda, vamos lançar também nos próximos dias um ‘super app’, que vai ter uma interação muito grande com a torcida, para que a torcida possa participar de diversas situações com o clube".