Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Futebol / Nova marca

EXCLUSIVO: Havan fecha com Flamengo e pagará R$ 6,3 milhões até dezembro

Erich Beting Publicado em 10/05/2021, às 18h20

Imagem EXCLUSIVO: Havan fecha com Flamengo e pagará R$ 6,3 milhões até dezembro

A rede de varejo Havan é a nova patrocinadora do Flamengo. O contrato entre clube e empresa, que ocupará as mangas do uniforme, é válido até dezembro deste ano. Segundo apurou a reportagem da Máquina do Esporte, ele renderá aos cofres rubro-negros R$ 6,3 milhões, o equivalente a R$ 900 mil por mês ou cerca de R$ 10 milhões por ano.

O acordo ainda depende de aprovação do Conselho Deliberativo do Flamengo, que tende a aprovar o negócio. Apenas após o sim do conselho, a marca da Havan será exposta no uniforme flamenguista.

“A Havan, por sua rede de quase 160 lojas em todo o Brasil e sua grande competência comercial, será mais uma importante parceira. Estamos muito felizes em termos fechado este acordo. É mais uma empresa de sucesso que se une ao Flamengo. Agora vamos aguardar a aprovação do contrato pelos conselheiros do clube para podermos dar início aos trabalhos”, disse em nota Gustavo Oliveira, vice-presidente de Comunicação e Marketing do Flamengo.

Comemoração de gol do Flamengo no Cariocão foi usada pelo clube para anunciar patrocínio com a Havan
Divulgação/Flamengo

O acordo foi “vazado” numa conversa entre as contas do Flamengo e da Havan no Twitter. Mais uma vez, a exploração dos meios digitais no negócio deve ser grande.

“A Havan sempre acreditou e apoiou o esporte. Tradicionalmente, nós somos apaixonados por futebol. Estamos muito felizes em nos unirmos ao clube e à Nação Rubro-Negra. Assim como o Flamengo, a Havan tem uma relação especial de amor com os clientes, que, carinhosamente, chamamos de fãs. Com toda certeza, é a união de um grande clube com uma grande empresa. Será uma parceria vitoriosa”, disse o gerente de Novos Negócios da Havan, Lucas Hang.

O "anúncio" do patrocínio no Twitter