Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Futebol / Patrocínio

FIFA anuncia parceria com Algorand para blockchain

Empresa americana também deve desenvolver NFTs para a entidade que comanda o futebol

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 03/05/2022, às 09h28 - Atualizado às 09h30

Gianni Infantino, presidente da FIFA, e Silvio Micali, fundador da Algorand, durante anúncio da parceria - Divulgação / FIFA
Gianni Infantino, presidente da FIFA, e Silvio Micali, fundador da Algorand, durante anúncio da parceria - Divulgação / FIFA

A FIFAestá entrando no mundo do blockchain por meio de um patrocínio e de uma parceria técnica com a Algorand. O patrocínio fará com que a empresa americana se torne uma apoiadora regional na América do Norte e Europa para a Copa do Mundo do Catar 2022, bem como patrocinadora oficial da Copa do Mundo Feminina da Austrália e Nova Zelândia, no ano que vem.

“Essa parceria com a FIFA mostrará o potencial que o blockchain da Algorand tem para transformar a maneira como todos experimentamos o jogo no mundo”, afirmou Silvio Micali, fundador da Algorand.

O presidente da FIFA, Gianni Infantino, esteve em Los Angeles (EUA) para o anúncio oficial da parceria técnica e o contrato de patrocínio.

“A colaboração é uma indicação clara do compromisso da FIFA em buscar continuamente canais inovadores para o crescimento sustentável da receita para reinvestimento adicional no futebol, garantindo transparência para nossos acionistas e fãs de futebol em todo o mundo”, comentou o dirigente.

Com a parceria técnica, a empresa será carteira oficial de blockchain da FIFA. Ainda não foi anunciado diretamente, mas é provável que a empresa também desenvolva produtos em NFT (tokens não fungíveis) para a entidade que comanda o futebol mundial.

“A Algorand também ajudará a FIFA no desenvolvimento de sua estratégia de ativos digitais, enquanto a FIFA fornecerá ativos de patrocínio, incluindo publicidade, exposição na mídia e oportunidades promocionais”, informou a entidade, em comunicado oficial.

O novo diretor de negócios da FIFA, Romy Gai, enfatizou a oportunidade adicional que a entrada em uma parceria blockchain traz. O valor do contrato não foi divulgado, embora provavelmente dependa da rapidez com que a Algorand conseguirá ajudar a habilitar um novo produto digital monetizável para a FIFA.

“Este anúncio é um momento emocionante para a FIFA, pois entramos oficialmente no mundo do blockchain e nas oportunidades que isso apresenta em várias aplicações. Na FIFA, devemos nos esforçar constantemente para identificar e explorar os meios mais avançados, sustentáveis ​​e transparentes de aumentar as receitas para continuar apoiando o desenvolvimento global do futebol”, disse Gai.