Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Futebol / Negócios

Futebol feminino cresce com TV e novo patrocínio

Redação Publicado em 16/11/2020, às 11h33

Imagem Futebol feminino cresce com TV e novo patrocínio

O acordo é fruto de um encontro entre o presidente da CBF, Rogério Caboclo, e o presidente do conselho do Grupo Guararapes, dono da Riachuelo, Flávio Rocha (foto). Os dois conversaram recentemente sobre oportunidades no desenvolvimento do futebol brasileiro, o que gerou o contrato ao futebol feminino.

"A chegada da Riachuelo representa mais um passo no crescimento da modalidade, que é um compromisso prioritário da CBF. A adesão de um parceiro tão relevante é uma demonstração de que estamos colhendo frutos do nosso investimento na competição, com a transmissão de todas as partidas, o uso dos grandes estádios por parte dos clubes e a produção de conteúdos de qualidade e visualmente atrativos", exaltou o diretor de marketing da CBF, Gilberto Ratto, em nota.

O fim de semana foi de boas novidades para o futebol feminino nacional. O Campeonato Brasileiro da modalidade ganhou um novo aporte e ainda estreou em um canal de televisão, a ESPN. As marcas entrantes confirmam o momento de crescimento do esporte entre os torcedores e entre as empresas interessadas em usar o segmento como plataforma de comunicação.

Entre os patrocinadores, a novidade foi a Riachuelo, apresentada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) no sábado (14). O acordo, que passou a valer já na rodada do fim de semana, será válido até 2023. Além da exposição da marca, feita em placas de campo e em fundos de entrevistas, a rede varejista de moda terá direito a fazer ativações nas redes sociais oficiais da competição.

A transmissão exaltada pelo dirigente ficou ainda mais em evidência no último fim de semana. A ESPN passou também a mostrar a competição. No sábado, a emissora exibiu sua primeira partida ao vivo, com o duelo entre Avaí/Kindermann e São Paulo. Nesta segunda-feira, na definição de quem se juntará ao Avaí nas finais, Corinthians e Palmeiras duelam com transmissão de ESPN, Twitter e salas de cinema.


A Band ainda transmitirá as duas finais, nos dias 22 de novembro e 6 de dezembro. Entre as partidas decisivas, a Máquina do Esporte promoverá a Primeira Semana do Futebol feminino, em que serão debatidos temas como patrocínio, papel da mídia no desenvolvimento do esporte, gestão de competições, mudanças estruturais e serão abordados cases de clubes do exterior, como Lyon, atual pentacampeão eu- ropeu, e Orlando Pride. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas por meio da página especial do Máquina Talks - 1a Semana do Futebol Feminino.