Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Futebol / Tecnologia

Por tecnologia e inovação, Coritiba fecha parceria com startup Liqi

Diretoria tem como objetivo gerar novas receitas e, de quebra, modernizar o clube

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 03/09/2021, às 07h32

Liqi é plataforma de tokenização que democratiza o acesso a ativos em frações digitais por meio da tecnologia de blockchain - Divulgação / Coritiba
Liqi é plataforma de tokenização que democratiza o acesso a ativos em frações digitais por meio da tecnologia de blockchain - Divulgação / Coritiba

O Coritiba anunciou, nesta quinta-feira (2), uma parceria com a startup Liqi, plataforma de tokenização que tem como principais objetivos democratizar o acesso a ativos em frações digitais por meio da tecnologia de blockchain e trazer novas possibilidades de receitas ao time. O acordo não inclui exposição na camisa do clube paranaense.

Pelo contrato, o Coritiba terá a possibilidade de usufruir de toda a tecnologia desenvolvida pela Liqi para “tokenizar” ativos do clube e permitir que o torcedor também possa investir no time. Uma das iniciativas pensadas pela startup e que estará acessível para todos os fãs já nas próximas semanas, será a oferta do “Coritiba Token”, feita por meio do Mecanismo de Solidariedade, estratégia criada pela FIFA com o propósito de recompensar os clubes que formam jogadores, para que eles possam ganhar uma porcentagem da venda subsequente do atleta.

"Entendemos que o cenário atual do Coritiba é muito promissor e nos traz diretrizes para elaborarmos novas estratégias de modernização, que podem, automaticamente, impactar na recuperação financeira e, por consequência, da posição e status do time", destacou Juarez Moraes e Silva, presidente do Coritiba, que tem como meta principal inovar e modernizar o clube.

"Estamos começando a escrever uma importante história ao lado dos clubes do Brasil. Permitir que grandes times possam se reinventar, aliar novas formas de gerar receita e, ao mesmo tempo, aproximar os torcedores e entusiastas do time, é muito gratificante. Nós não vamos parar, muito pelo contrário. Estamos acelerando por aqui e já temos no nosso radar outros três times que devem assinar contrato com a Liqi em breve", revelou Daniel Coquieri, fundador e CEO da startup.

Dentro de campo, a equipe paranaense vai se aproximando cada vez mais do retorno à Série A do Campeonato Brasileiro, o que também ajudaria substancialmente as finanças do clube. Com a vitória sobre o Londrina fora de casa, por 3 a 2, na última quarta-feira (1º), o time encerrará a 22ª rodada na liderança da Série B.