Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Futebol / Rei

Santos usará selo em homenagem ao primeiro gol de Pelé

Time entra em campo com selo que relembra estreia do Rei do Futebol

Redação Publicado em 10/09/2021, às 15h43

Selo será usado pelos jogadores do Santos no jogo contra o Bahia, neste sábado (11) - Divulgação/Santos
Selo será usado pelos jogadores do Santos no jogo contra o Bahia, neste sábado (11) - Divulgação/Santos

O Santos decidiu prestar uma homenagem ao craque Pelé na partida contra o Bahia, neste sábado (11), às 21h, pelo Campeonato Brasileiro. Os jogadores do time paulista entrarão em campo com um selo na camisa, em comemoração aos 65 anos da estreia e primeiro gol marcado por Pelé com a camisa do Santos.

“O Pelé é homenageado pelo Santos todos os dias. Pelé e Santos são uma coisa só. Todos os quadros na minha sala são com imagens dele. Eu falo que ele me dá força para as nossas atribuições dentro da presidência. O dia 7 de setembro foi uma data histórica para nós, porque comemoramos o primeiro jogo do Pelé no Santos e o primeiro gol com a camisa do clube”, afirmou o presidente Andres Rueda.

Além da homenagem na camisa, o clube programou uma série de homenagens a Pelé, que recentemente retirou um tumor no cólon, que envolvem ações diretas da torcida santista.

“A gente também está com uma exposição no Memorial das Conquistas, com peças históricas desse jogo, que marcam essa data. E na volta do público ao estádio, em todo minuto 10, quando formos mandantes, teremos uma homenagem ao Pelé, no telão do estádio. Ele está na nossa cabeça todos os dias, e todos os dias a gente agradece”, disse Rueda.

Além dos objetos relacionados à histórica partida, a exposição mostra que Pelé, naquele jogo, utilizou a camisa com o número 15 às costas. Ele tinha, então, apenas 15 anos de idade. Os itens foram alcançados através de uma parceria com o Corinthians de Santo André, clube adversário da estreia do Rei. A súmula original da partida foi cedida gentilmente pelo Museu “Dr. Octaviano Armando Gaiarsa”, localizado em Santo André, e ficará exposta juntamente das outras peças até o aniversário de Pelé, no dia 23 de outubro.