Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Futebol / Tudo novo de novo

Turner acaba com Esporte Interativo e ‘unifica’ TNT Sports

Redação Publicado em 18/01/2021, às 11h06

Imagem Turner acaba com Esporte Interativo e ‘unifica’ TNT Sports
Imagem com a alteração da nomenclatura do Esporte Interativo para TNT Sports
Divulgação

Após 17 anos de sua fundação, o Esporte Interativo deixou de existir. O canal exclusivo de esportes que foi criado por um grupo de investidores e adquirido em definitivo pela Turner em 2015, teve no último sábado (16) seu último dia com essa marca.

Numa decisão estratégica para toda a América Latina, a Turner passou a adotar a marca TNT Sports para todo o conteúdo esportivo produzido pelo grupo. Argentina, Brasil e Chile são os únicos países em que a nova marca passou a ser adotada.

Com a decisão, os canais do Esporte Interativo na internet e o aplicativo EI Plus passam a ter a nomenclatura TNT Sports, sendo que o serviço de streaming adotou o nome Estádio TNT Sports.

"Reunidos sob a marca TNT Sports, iniciamos uma nova era para nossa divisão de Esportes; tudo com o objetivo de estar cada vez mais próximo do público, com propostas específicas para cada mercado e com tudo o que os fãs de esportes e futebol desejam e gostam", afirmou em nota Gustavo Minaker, General Manager de WarnerMedia Chile e líder de equipe TNT Sports.

A decisão tomada pela WarnerMedia, dona da Turner, tem como objetivo unificar toda a sua divisão de esportes, que tinha nomes diferentes no Chile, no Brasil e na Argentina. Com a mesma identidade visual, a tendência também é que haja maior intercâmbio de conteúdo entre os países.

A nova marca foi ao ar na televisão no Brasil já no domingo, durante a transmissão de Internacional 4x2 Fortaleza, pelo Campeonato Brasileiro, dentro do canal TNT. A outra novidade da programação foi a mudança da transmissão pré-jogo, que ganhou o nome de “Matchday”, que será adotado nos três países.

"Compartilhamos a mesma paixão com eles, entendemos quais são seus interesses e por isso vamos em busca de novas oportunidades para seguir crescendo junto com o público de nossa região", completou Minaker.

A mudança promovida pela Turner coloca um fim ao Esporte Interativo praticamente 30 meses depois de a empresa ter acabado com a presença da marca nos canais de TV. Em agosto de 2018, os dois canais na TV fechada que eram exclusivos de esportes foram fechados, marcando um novo posicionamento da Turner no país. Os canais TNT e Space têm sido usado para a transmissão de jogos da Champions League, enquanto o TNT fica com os jogos dos Campeonatos Brasileiro e Italiano.

De acordo com a Turner, a mudança de marca deve ser acompanhada por uma unificação da entrega comercial e reforçar ainda mais o investimento nas plataformas digitais.

"Nossa intenção é trabalhar a integração entre os três países para trazer uma proposta multitelas com foco no engajamento do fã e em potencializar o desenvolvimento do esporte em cada um dos países. Conseguimos chegar ao coração dos fãs e com esta nova abordagem regional criamos um produto muito mais sólido e com enorme potencial. Vamos capitalizar o melhor de cada país para levar ao público regional, como o Match Day, onde acompanhamos o fã durante todo o dia de jogo de seu time, em todas as plataformas. Outro foco será potencializar a oferta digital, com conteúdos exclusivos e nativos para este meio. Nossa meta é chegar mais perto do fã com todas as coisas boas que ele já conhece sobre nós e com as novas iniciativas que iremos trazer daqui para frente ", afirmou Fábio Medeiros, responsável pelo conteúdo dos canais TNT Sports e o único dos fundadores do Esporte Interativo a permanecer ligado à empresa.