Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Futebol / Terceirona

TV NSports fecha parceria com DAZN e terá Série C

Redação Publicado em 28/05/2021, às 02h01

Imagem TV NSports fecha parceria com DAZN e terá Série C

A Série C do Campeonato Brasileiro terá mais um parceiro de mídia. A TV NSports, especializada em streaming esportivo, acertou uma parceria com o DAZN e poderá fazer transmissões do torneio. Serão cinco jogos por rodada na plataforma, 90 ao longo dos seis meses de competição.

A TV NSports, no entanto, não terá direito de transmissão dos quadrangulares e das finais, que permanecerão com exclusividade no DAZN.

A exibição do torneio começará no próximo sábado (29), com o jogo entre Floresta e Jacuipense, às 15h30. Serão cinco jogos para cada plataforma. O DAZN tem assinatura de R$ 19,90 mensal, enquanto a TV NSports cobrará R$ 79,90 (R$ 59,90 até o dia 10 de junho) pelo pacote da competição, ou R$ 9,90 por jogo avulso.

Até o ano passado, o DAZN dividia a transmissão da Série C com outra plataforma, mas em acordo menor. O MyCujoo dividia os direitos com a empresa, transmitindo cinco a seis jogos por rodada, a um custo de R$ 4,99 por partida.

TV NSports anuncia transmissão da Série C em 2021 (Arte: Divulgação)

“Trazer um dos mais tradicionais torneios do futebol nacional para a TV NSports é motivo de orgulho. Sabemos da paixão do torcedor e entendemos a responsabilidade de levar a emoção dos jogos para dentro das casas, principalmente neste momento de pandemia, de uma forma acessível e multiplataforma", afirmou o CEO da TV NSports, Guilherme Figueiredo.

As duas empresas se juntarão à Band, que renovou o acordo com a Série C pelo terceiro ano seguido. Também em parceria com o DAZN, a emissora terá dois jogos por rodada até a decisão do torneio. A novidade para este ano é que, além das regiões Norte e Nordeste, o canal exibirá os eventos para Campinas, São José do Rio Preto, Ribeirão Preto e Santos; a terceira divisão contará com cinco equipes paulistas neste ano.

Por outro lado, o DAZN vai perdendo fôlego no mercado brasileiro. A Série C ainda é o principal produto nacional na grade da plataforma, mas com os novos acordos, ela vai deixando de ser exclusiva da emissora. Em 2020, após a crise gerada pela pandemia, a companhia enxugou a operação no Brasil e abriu mão de eventos como o Campeonato Francês e o Campeonato Italiano, além de competições de interesse direto do torcedor no Brasil, como a Copa Sul-Americana, a Recopa e o Campeonato Paranaense.