Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Futebol / Acabou

Vasco anuncia fim de polêmica parceria de dois anos com Havan

Patrocínio com rede varejista gerou revolta entre torcedores pouco antes de ser anunciado

Redação Publicado em 06/01/2022, às 10h12

O presidente do Vasco, Alexandre Campello, posa com o dono da Havan, Luciano Hang, ao assinar o patrocínio, em 2020 - Divulgação
O presidente do Vasco, Alexandre Campello, posa com o dono da Havan, Luciano Hang, ao assinar o patrocínio, em 2020 - Divulgação

O Vasco encerrou negociações com a Havan, parceira do clube há dois anos, que deixará de estampar seu logo nas mangas da camisa do time. O contrato de 2021 previa um aporte financeiro de R$ 4,2 milhões à equipe.

A informação foi oficializada pelo Vasco, que em nota afirmou que “agradece a parceria durante esse período e deseja sucesso para a empresa”.

Na época do lançamento da parceria, parte da torcida vascaína protestou contra a empresa e a postura polêmica de seu dono, o empresário Luciano Hang, apoiador declarado do presidente Jair Bolsonaro. A sede do clube chegou a ser pichada no final de 2019 em protesto contra a empresa, que assinou o patrocínio em janeiro de 2020.

Junto com a saída da Havan de sua camisa, o Vasco também anunciou que acertou contrato com dois novos patrocinadores. Um deles irá ocupar a manga da camisa (mesmo espaço que era da Havan). O outro, a barra das costas do uniforme.

O lançamento dessas parcerias deve acontecer ainda em janeiro. Neste ano, o clube disputa o Campeonato Carioca, a Copa do Brasil e a Série B do Campeonato Brasileiro. Em 2021, o Vasco não passou da 10ª posição na segunda divisão, com 49 pontos em 38 jogos. O retorno à elite do Brasileirão é a principal meta do time carioca para a temporada.