Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Motor / Desde 2010

Com acréscimo dos e-Sports, Ferrari renova patrocínio com Kaspersky

Objetivo da ampliação do acordo é "promover o automobilismo para um público mais jovem e amplo"

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 17/12/2021, às 10h28

Charles Leclerc terminou a temporada 2021 na sétima colocação do Mundial de Pilotos - Reprodução / Twitter (@ScuderiaFerrari)
Charles Leclerc terminou a temporada 2021 na sétima colocação do Mundial de Pilotos - Reprodução / Twitter (@ScuderiaFerrari)

A Ferrari anunciou, nesta quinta-feira (16), a renovação do acordo de patrocínio com multinacional especialista em segurança cibernética e proteção de dados Kaspersky. A parceria, que começou em 2010, não teve o novo tempo de contrato revelado, assim como os valores envolvidos na negociação.

A Ferrari divulgou, no entanto, que, sob os novos termos, a Kaspersky passará a ser patrocinadora também da equipe de e-Sports da escuderia. O logotipo da empresa terá visibilidade nas camisetas dos pilotos “virtuais”, assim como nos carros “virtuais” em quaisquer eventos que a equipe possa participar.

Ao mesmo tempo, a marca da multinacional permanecerá estampada nos macacões e capacetes do monegasco Charles Leclerc e do espanhol Carlos Sainz, bem como nas roupas de todos os membros da equipe. Em contrapartida, a Kaspersky continuará fornecendo seus serviços para proteger os dados da Ferrari, tanto na sede da escuderia em Maranello, na Itália, quanto nas pistas de corrida ao redor do mundo.

“Temos o prazer de renovar nossa parceria com a Kaspersky e, na verdade, de aumentar seu escopo. Nossas duas empresas têm muito em comum, como uma política de busca pela excelência tecnológica e uma cultura de trabalho em equipe. Por mais de uma década, a Kaspersky desempenhou um papel fundamental para a Ferrari protegendo nossos dados, e é importante que possamos contar com um parceiro tão confiável quando se trata de um aspecto tão delicado na vida de uma equipe. A colaboração foi estendida ao mundo dos esportes eletrônicos, que está crescendo rapidamente e é vital quando se trata de promover o automobilismo para um público mais jovem e amplo“, destacou Mattia Binotto, chefe de equipe da Ferrari.

Após uma árdua batalha contra a McLaren durante todo o campeonato, a equipe italiana conseguiu terminar o Mundial de Construtores na terceira colocação na temporada 2021, com Carlos Sainz em quinto e Charles Leclerc em sétimo no Mundial de Pilotos. Para 2022, o principal objetivo da escuderia é se aproximar das líderes Mercedes e Red Bull para, quem sabe, alcançar mais pódios e até vitórias ao longo da temporada.