Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Motor / Negócios

Com Stock, Band consolida domingo de "Show do Esporte"

Redação Publicado em 24/11/2020, às 10h45

Imagem Com Stock, Band consolida domingo de "Show do Esporte"

A Band assumiu uma postura agressiva nos bastidores do esporte e tem recuperado o espaço da emissora dentro do segmento. No segundo semestre deste ano, o grupo tem fechado acordos com produtos esportivos de bom apelo, do futebol europeu à Stock Car, a novidade do momento. Na sexta-feira passada, a categoria migrou para o canal, com um contrato de cinco anos.


Autointitulada "Canal do Esporte" entre a década de 1980 e 1990, a Band deixou o segmento em segundo plano nos últimos anos. Mas, em 2020, parece determinada em recuperar esse espaço, algo simbolizado pelo retorno do "Show do Esporte". O programa marcou os finais de semana do canal nos anos 1980 e 90 e voltou agora com os novos produtos esportivos adquiridos pela emissora.

Dois pontos centrais explicam a mudança de comportamento da Band. A primeira está no comando. José Emilio Ambrósio deixou a direção esportiva da emissora no início deste ano. Em um processo de unificação de todo o grupo, assumiu a posição Denis Gavazzi, que antes comandava o Bandsports.


Outra questão relevante para a empreitada da Band foi a quitação da dívida da emissora com a Globo. Em quatro anos, a Band transferiu ao canal carioca a quantia de R$ 135 milhões, valor referente a direitos de transmissão licenciados por ela entre os anos de 2014 e 2016. O antigo acordo abrangia a transmissão do Brasileirão e de alguns torneios estaduais, mas, com dificuldade em arcar com os valores, a estratégia foi desmantelada pela empresa de São Paulo.



A partir do segundo semestre, com a nova direção e com a dívida com a Globo quitada, a Band passou a apresentar uma série de novidades no esporte. A começar pelo Campeonato Italiano, que também simbolizava a aproximação da emissora com o segmento esportivo na virada dos anos 1980 aos 1990.

Além dele, a carteira de eventos tem Bundesliga, Campeonato Russo, futebol feminino, Brasileiro sub-20, amistoso da seleção olímpica e até Libertadores, na operação do PPV da Conmebol. Por fim, o acordo com a Vicar, empresa que organiza a Stock Car e que contava com a parceria da Globo havia pelo menos 20 anos.


Apesar de ter perdido o NBB, a casa mantém a NBA, e a postura nos bastidores tem sido de manutenção da agressividade nas negociações. Na última semana, por exemplo, o canal tentou viabilizar a transmissão de Uruguai e Brasil, pelas Eliminatórias. Pelo caminhar, a Band deve abrir uma nova era de "canal do esporte".