Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Motor / Em alta

F1 volta a crescer na Band com disputa entre Hamilton e Verstappen

GP da Arábia Saudita teve a segunda melhor marca no ano, ficando atrás somente do GP de São Paulo

Erich Beting - São Paulo (SP) Publicado em 06/12/2021, às 17h43 - Atualizado às 17h45

Lewis Hamilton e Max Verstappen disputam ponto a ponto o título da Fórmula 1 em 2021 - Reprodução
Lewis Hamilton e Max Verstappen disputam ponto a ponto o título da Fórmula 1 em 2021 - Reprodução

A eletrizante disputa pelo título da temporada 2021 da Fórmula 1 ganhou um novo capítulo com a vitória de Lewis Hamilton no GP da Arábia Saudita. Agora, o inglês está empatado em pontos com Max Verstappen, faltando uma prova para decidir o título.

O equilíbrio nas pistas tem se refletido em um aumento da audiência da transmissão da reta final da F1 na Band. Desde o GP de São Paulo, em 14 de novembro, a audiência da categoria não para de subir.

A transmissão do GP da Arábia Saudita atingiu média de 6,1 pontos no Ibope, a segunda melhor da Band nesta temporada, perdendo apenas para o GP brasileiro (6,9 pontos de média), há três semanas. O pico da transmissão foi de 7,2 pontos, também só perdendo para a prova em Interlagos (7,8 pontos). Segundo a Band, a corrida em Jidá alcançou mais de 1,2 milhão de espectadores na Grande São Paulo.

O sucesso da Band na audiência da Fórmula 1 tem a ver com dois motivos. O primeiro deles é a disputa estar em aberto ainda na última prova do campeonato. Pela primeira vez desde 1974, dois pilotos chegam para a etapa derradeira com o mesmo número de pontos.

O segundo motivo é o “fator GP de São Paulo”. Desde que a prova aconteceu na capital paulista, a audiência vem aumentando. O GP do Catar, na semana seguinte à prova brasileira, marcou 5 pontos de média no Ibope, até então a terceira melhor audiência da temporada. Agora, na Arábia, foi o segundo melhor desempenho da Band no ano.

A terceira melhor audiência ainda é a do GP do Bahrein, que abriu a temporada e marcou a volta da Band às transmissões da F1. Foi a única prova além das três últimas que teve uma audiência média maior do que 5 pontos do Ibope. Confira abaixo a audiência de cada uma das etapas da Fórmula 1 na Band neste ano:

GP do Bahrein (28/3): 5,1 de média e 6,4 de pico
GP de Ímola (18/4): 4,3 de média e 5,5 de pico
GP de Portugal (2/5): 3,9 de média e 4,6 de pico
GP de Espanha (9/5): 3.8 de média e 4,8 de pico
GP de Mônaco (23/5): 4,1 de média e 4,4 de pico
GP do Azerbaijão (6/6): 3,7 de média e 5,0 de pico
GP da França (20/6): 3,8 de média e 4,4 de pico
GP da Estíria (27/6): 3,9 de média e 4,7 de pico
GP da Áustria (4/7): 4,3 de média e 5,2 de pico
GP de Silverstone (18/7): 4,1 de média e 5,3 de pico
GP da Hungria (1/8): 3,1 de média e 5,0 de pico
GP da Bélgica (29/8): 3,1 de média e 3,8 de pico
GP da Holanda (5/9): 3,2 de média e 4,3 de pico
GP da Itália (12/9): 3,8 de média e 4,1 de pico
GP da Rússia (26/9): 2,8 de média e 4,5 de pico
GP da Turquia (10/10): 3,8 de média e 4,8 de pico
GP dos EUA (24/10): 4,0 de média e 4,3 de pico
GP do México (7/11): 3,5 de média e 4,1 de pico
GP do Brasil (14/11): 6,9 de média e 7,8 de pico
GP do Catar (21/11): 5,0 de média e 5,9 de pico
GP da Arábia (5/12): 6,1 de média e 7,2 de pico