Motor

Honda deixará Fórmula 1 após a temporada de 2021

por Redação - São Paulo (SP)
A
A

A Honda não fará mais parte da Fórmula 1. A empresa japonesa anunciou que irá se retirar das equipes Red Bull Racing e Alpha Tauri após a temporada de 2021.

publicidade
publicidade

A decisão faz parte do plano da Honda de buscar a neutralidade de carbono até 2050. Para os novos caminhos ambientais propostos pela companhia, a participação na Fórmula 1 não fará mais sentido.


A Honda havia retornado à Fórmula 1 em 2015, quando se juntou à equipe McLaren. Depois, formou parceria com a Toro Rosso, que atualmente é chamada de Alpha Tauri. Em 2019, passou a fornecer seus motores para a equipe principal da Red Bull na categoria.

publicidade

Em comunicado, o presidente da Honda, Takahiro Hachigo, agradeceu as equipes parceiras, além de citar diretamente o apoio da FIA e da organização da Fórmula 1 no período em que a marca resolveu apostar no retorno da categoria. Mas, segundo o executivo, o momento mudou.


“Mudamos o foco para o ambiente de negócio que a Honda encara. Vemos a indústria automotiva passando por uma transformação que acontece uma vez no século. Faz algum tempo desde que começamos a comunicar a intenção da Honda de focar na criação de produtos de nova mobilidade e novos valores para o futuro. Especialmente, vemos nossas iniciativas ambientais como uma das prioridades da Honda enquanto fabricante de mobilidade”, afirmou

publicidade

Orlando City pode ser vendido pro US$ 400 milhões