AlphaGraphics planeja patrocínio a seis atletas em 2016

Leandro Guilheiro posa com vestimenta da AlphaGraphics

Leandro Guilheiro posa com vestimenta da AlphaGraphics

Após fechar aporte com o judoca Leandro Guilheiro, a AlphaGraphics já planeja um time de atletas brasileiros para os dois próximos jogos olímpicos. Além do novo patrocinado, a empresa conta com o maratonista Paulo de Almeida, e o plano é ter mais dois nomes para Londres – 2012. Para o evento no Rio de Janeiro, a ideia é ter seis atletas.

O envolvimento da marca com o esporte tem origem na matriz americana, que mantém patrocínio à equipe olímpica de vela do país. A empresa comprou o naming right do time, fato retirado apenas durante os Jogos Olímpicos, em respeito às regras do COI.

Ainda assim, a empresa trabalha com relacionamento durante as competições, e os resultados inspiraram o marketing da AlphaGraphics no Brasil.

Segundo o vice-presidente de marketing da empresa, Rodrigo Abreu, esse trabalho com clientes feito pela AlphaGraphics nos Estados Unidos é o que deve ser repetido com os patrocinados no Brasil. “Para nós, só o nome estampado no uniforme não é interessante”, ressalta.

Nesse trabalho para ativar o patrocínio, atualmente os atletas da AlphaGraphics têm algumas funções com a empresa. Além do uso de imagem, cada patrocinado faz participações em eventos, com foco na rede de franquias. Por relacionamento, eles viajam pelas lojas espalhadas no Brasil.

Para os Jogos Olímpicos de 2016, a AlphaGraphics espera contar com atletas que se encaixem no perfil da empresa. “O judô, por exemplo, é uma modalidade que precisa de estratégia, rapidez e concentração. Nós nos identificamos com isso. E o Leandro irá para a sua terceira Olimpíada; é um baita vencedor”, explicou Abreu.

Por enquanto, a AlphaGraphics no Brasil só não se arrisca a fechar com uma equipe, como foi feito nos Estados Unidos. Para a empresa, esse mercado no país ainda está fechado para estatais e grandes empresas, sem grandes oportunidades para companhias de médio porte.