América-MG lucra R$ 643 mil contra Corinthians

Torcida corintiana era maioria, e América-MG teve maior lucro do ano

Torcida corintiana era maioria, e América-MG teve maior lucro do ano

O América-MG, um dos clubes com pior desempenho financeiro nas bilheterias nesta temporada, surpreendeu no último domingo (6). Ao levar o confronto com o Corinthians para o Parque do Sabiá, o clube mineiro viu a torcida adversária lotar o estádio, mas venceu por 2 a 1 e, melhor, voltou para Belo Horizonte com lucro de R$ 643 mil.

O resultado poderia ter sido ainda melhor, caso a equipe não tivesse sofrido deduções na receita líquida. À Federação Mineira de Futebol (FMF), o América-MG teve de ceder R$ 40 mil, enquanto outros R$ 71,5 mil foram penhorados para pagamento de dívida trabalhista.

O montante lucrado, de qualquer modo, supera em muito o que havia sido recebido pelo clube no restante do torneio. Até o jogo contra o Corinthians, o time mineiro somava R$ 130 mil embolsados em 17 jogos. Desses, um havia sido disputado no estádio Morenão, no Mato Grosso do Sul, e 14, na Arena do Jacaré, em Minas Gerais.

Curiosamente, o único resultado igualmente positivo obtido nesta temporada antes do triunfo sobre o líder aconteceu no Parque do Sabiá. Contra o Santos, o América-MG havia lucrado R$ 169 mil. Além desse jogo, a maioria dos duelos registrou déficit ou lucro ínfimo.

A cinco rodadas do fim do Campeonato Brasileiro, contudo, dificilmente o time verde e branco conseguirá repetir a estratégia. Os mineiros irão enfrentar o Botafogo em casa na 35ª rodada, porém em uma quarta-feira, e o Atlético-PR, na 37ª rodada, em um domingo.

O levantamento feito pela Máquina do Esporte levou em consideração todas as partidas de Campeonato Brasileiro, Copa Kia do Brasil e Estaduais - em relação ao último, apenas jogos dos 20 membros da primeira divisão foram registrados. Os números são fornecidos pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) em boletins financeiros.