Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Após perder parceria com Liga Europa, Adidas renova com Liga dos Campeões

Marca alemã é o sétimo patrocinador confirmado pela Uefa para o próximo triênio

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 22/05/2018, às 07h55 - Atualizado às 10h55

Imagem Após perder parceria com Liga Europa, Adidas renova com Liga dos Campeões

A Uefa e a Adidas entraram em um acordo, e a marca alemã renovou seu contrato de patrocínio à Liga dos Campeões para o período que engloba as próximas três temporadas. Parceira do maior torneio de clubes do mundo desde 2001, a Adidas completará 20 anos ao lado da competição ao final do novo contrato, que culmina no fim da temporada 2020/2021. Os valores não foram divulgados.

Foto: Divulgação / Adidas

A notícia surge na semana em que Real Madrid e Liverpool se preparam para disputar a final do torneio na temporada 2017/2018 no próximo sábado (26) e acaba com especulações de que a marca alemã não renovaria o acordo.

O motivo para as dúvidas foi o fato da Adidas ter perdido um contrato histórico na Liga Europa para o próximo triênio. Em outubro do ano passado, a Uefa revelou que a fabricante japonesa Molten será patrocinadora e fornecedora oficial de bolas do torneio, encerrando um contrato com os alemães que remontava à década de 1960.

A renovação com a Adidas para a Liga dos Campeões ainda engloba a Supercopa da Uefa, disputada entre os campeões da Liga dos Campeões e da Liga Europa, além da Liga Jovem da Uefa (com times sub-19) e a Liga dos Campeões da Uefa de Futsal.

“A Adidas tem sido uma parceira valiosa da Liga dos Campeões da Uefa desde que unimos forças em 2001, e estamos satisfeitos por continuarmos nosso relacionamento por mais três temporadas. A Adidas não apenas é líder em seu campo, mas também tem uma extensa herança no futebol, por isso estamos ansiosos para continuar nosso relacionamento ao entrarmos em um novo ciclo da Liga dos Campeões da Uefa”, afirmou Guy-Laurent Epstein, diretor de marketing da Uefa.

Com a confirmação da Adidas, a Uefa já tem sete patrocinadores fechados para as próximas três temporadas da Liga dos Campeões. Nissan, Heineken, PepsiCo, MasterCard e Gazprom também já renovaram. Dos atuais parceiros, apenas a Sony ainda não anunciou um novo acordo, enquanto o UniCredit encerrará seu patrocínio na final deste sábado (26) e será substituído pelo Santander a partir da próxima temporada.