Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Após polêmica, Botafogo e Casa & Vídeo renovam contrato por dois jogos

Empresa terá que responder ao Conar por promoção durante a partida contra o Fluminense

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 10/03/2015, às 18h07

Imagem Após polêmica, Botafogo e Casa & Vídeo renovam contrato por dois jogos

O Botafogo irá manter a Casa & Vídeo no uniforme por mais duas partidas: contra o Tigres do Brasil e contra o Resende, ambos pelo Campeonato Carioca. Novamente, a marca da empresa ficará nas costas da camisa.

O anúncio da renovação foi feito na tarde desta terça-feira (10), mesmo dia em que um processo contra a empresa foi aberto. O problema foi a ideia de abaixar o preço de um secador de cabelo anunciado na partida contra o Fluminense. No primeiro tempo, o anúncio marcava R$ 49, no segundo, a “Promoção Maluca” da loja colocou o preço em R$ 39.

O Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) entendeu que a mudança repentina pode ser considerada abusiva ao consumidor. A Casa & Vídeo terá 15 dias para se defender da acusação.

Com o Botafogo, a marca já esteve presente em outras duas partidas, em clássicos contra o Flamengo e contra o Fluminense. No último domingo, a Casa & Vídeo chegou a fazer uma enquete no Facebook para escolher qual produto seria anunciado.

A diferença dessa vez deve ser a ausência das outras marcas. Nas duas partidas em que a Casa & Vídeo esteve exposta, a empresa teve a companhia de outros quatro aportes pontuais, que não tiveram seus contratos renovados por ora.