Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

ATP aumenta premiação de torneios em 13% e "bomba" tênis

Sem contar os Grand Slams e Tóquio 2020, serão distribuídos US$ 158,7 milhões

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 23/12/2019, às 08h47 - Atualizado às 11h47

Imagem ATP aumenta premiação de torneios em 13% e "bomba" tênis

A Associação de Tenistas Profissionais (ATP) anunciou que, a partir da próxima temporada, os torneios que fazem parte do calendário do circuito de tênis vão distribuir US$ 158,7 milhões entre todos os seus jogadores. Essa premiação é referente às competições de nível ATP 250, ATP 500 e ATP 1000. Não estão inclusos os quatro Grand Slams (Australian Open, Roland Garros, Wimbledon e US Open) e também a premiação dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

O valor representa um aumento de 13% no montante que foi pago pelos organizadores de torneios em 2019. Ao todo, o calendário do tênis para 2020 prevê a realização de 64 torneios em 30 países. A principal novidade para a temporada é a incorporação da ATP Cup, que abrirá o calendário e será em Brisbane, Perth e Sydney, na Austrália, a partir de 3 de janeiro. O evento reunirá 24 atletas de países diferentes e distribuirá US$ 15 milhões em prêmios para seus jogadores.

Rafael Nadal será mais uma vez uma das grandes atrações do circuito da ATP em 2020 (Foto: Reprodução / Twitter (@ATP_Tour)

A presença da ATP Cup permitirá o aumento da premiação dada aos atletas. A grande ausência da primeira temporada é a Suíça, de Roger Federer, que alegou razões pessoais para não disputar a competição e com isso não irá para o torneio.

Em 2020, o circuito terá nove Masters 1000, 13 torneios ATP 500, incluindo o Rio Open, em fevereiro, e outros 38 na categoria ATP 250. Além disso, haverá o ATP Finals, reunindo os oito melhores do ano, o ATP Finals Next Gen, que coloca em quadra os oito melhores atletas da "próxima geração" e também a Laver Cup, que possui atletas da Europa jogando contra os melhores do resto do mundo.