Avaí mantém homenagens em camisa de goleiro para 2012

Camisa usada em homenagem a Rio do Sul, que sofreu com enchentes

Camisa usada em homenagem a Rio do Sul, que sofreu com enchentes

Após o término do Campeonato Brasileiro, o Avaí continuará fazendo homenagens às cidades de Santa Catarina no uniforme de goleiro da equipe. Para a diretoria do clube, a campanha foi bem sucedida tanto na parte comercial quanto no objetivo de penetrar a marca do time no interior do Estado e, por isso, será mantida em 2012.

A campanha surgiu em abril deste ano e consistia em fazer homenagens a cidades do Estado. A cada partida do Avaí, um cartão postal era exibido na camisa de goleiro do time. Já foram 28 cidades diferentes que receberam imagens no uniforme, seja uma maçã de São Joaquim ou o porto de Itajaí.

A coordenadora de licenciamentos do Avaí, Otília Pagani, explicou que a ideia inicial não era vender as camisas, mas aproximar o time do restante do Estado. “O principal objetivo é fortalecer a marca do clube e se aproximar cada vez mais das pessoas”, afirmou.

Inicialmente, o clube não tinha a intenção de vender as camisas com cada uma das homenagens. No entanto, a procura foi acima do esperado, o que fez com que a diretoria do Avaí mudasse de ideia. Ao preço de R$ 159,90, cada um dos modelos utilizados tem sido vendido para os torcedores.

Nas cidades homenageadas, a média de venda da camisa tem ficado entre 50 e 100 unidades. Em alguns casos, a própria prefeitura da cidade comprou modelos que faziam menção ao local. O Avaí ainda levanta os números finais deste ano, mas a expectativa é de mais de duas mil camisas vendidas.

O número pode não ser alto em comparação ao uniforme de jogo vendido, mas, segundo o clube, é muito superior à quantidade usual de camisa de goleiro comercializada. “Dificilmente camisa de goleiro vende bem. Tivemos um melhor resultado quando o Renan foi para a seleção brasileira, mas foi exceção”, afirmou Pagani.

Como o intuito maior é de fortalecimento da marca, em algumas situações o Avaí até deixou de receber o lucro das vendas para fazer alguma ação social. Esse foi o caso de Rio do Sul, cidade homenageada no último domingo. O valor das vendas do uniforme irá para a campanha de recuperação da cidade, que sofreu com fortes enchentes em setembro.