Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Bate-papo mostrará novos caminhos para indústria do esporte

"Evolução do Esporte como Entretenimento" terá Ernst & Young e LNB

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 19/11/2018, às 10h33 - Atualizado às 12h33

Imagem Bate-papo mostrará novos caminhos para indústria do esporte

De que forma as relações com a mídia, as marcas e os torcedores podem impactar no negócio do esporte? Qual é o papel do gestor em meio a essa realidade no Brasil?

O encerramento do 1° Fórum Máquina do Esporte trará o debate "Evolução do Esporte como Entretenimento". Comandado por Erich Beting, CEO da Máquina do Esporte e profissional da indústria esportiva há 18 anos, o painel tem como convidados Pedro Daniel, gerente sênior da consultoria EY, e também a Liga Nacional de Basquete (LNB), gestora da principal liga esportiva do país, o Novo Basquete Brasil (NBB).

Nas últimas semanas, a discussão ganhou mais força com a decisão da Globo de reduzir o investimento nos Estaduais e focar esforços na melhoria do Campeonato Brasileiro da Série A, competição em que ela investe quase R$ 2 bilhões.

O painel abordará como é preciso melhorar o produto do esporte para alavancar o negócio tanto para as entidades esportivas quanto para os investidores. Temas como Fair Play Financeiro, Governança e Gestão de patrocínios serão abordados. Assim como casos de algumas entidades, como o NBB, que neste ano anunciou a criação de uma plataforma multimídia de transmissão da temporada, serão tratados.

"A ideia do bate-papo de encerramento é trazer para o público algumas tendências do mercado de patrocínio e gestão esportiva, mostrando como é importante trabalhar para dar ao torcedor uma experiência que o leve a ampliar o interesse em consumir e, assim, melhorar o produto", diz Beting.

O 1° Fórum Máquina do Esporte tem os patrocínios de Kroll, Comitê Paralímpico Brasileiro, Nissan, Globo e Allianz Parque.