Botafogo assina com SPR e prevê 1ª loja neste semestre

Clube está definindo, junto à SPR, detalhes como layout das lojas

Clube está definindo, junto à SPR, detalhes como layout das lojas

O contrato entre Botafogo e SPR Franquias está assinado, e a rede de lojas da equipe carioca está prestes a sair do papel. Agora, formalizada a parceria com a gestora, responsável por administrar o negócio, a dupla tem trabalhado em detalhes das, e espera-se que a primeira seja inaugurada ainda neste primeiro semestre de 2012.

“Estamos numa guerra, em um sentido positivo, para decidir o layout das lojas, o modelo a ser adotado em todas, tudo o que queremos nelas, para resolver um monte de coisas que vêm antes de inaugurá-las”, conta Sérgio Landau, diretor-executivo do time alvinegro e principal responsável pelo projeto desde a concepção.

A primeira unidade deverá ser aberta no Rio de Janeiro, sede do clube, mas existem planos para manter estabelecimentos também fora do Estado. “Nós temos a intenção de espalhar lojas pelo Brasil, em pontos estratégicos, mas primeiro precisamos ter uma no Rio de Janeiro”, acrescenta o dirigente.

Espera-se que sejam abertas pelo menos 15 lojas em quatro anos, período total do contrato, e no máximo 25, uma das exigências feitas pelos cariocas à SPR para que não existam comércios pouco rentáveis. A gestora já havia sido escolhida desde o início deste ano, segundo antecipou a Máquina do Esporte, mas faltava a assinatura do contrato.

A criação da rede de franquias botafoguense está sendo estudada desde o meio do ano passado. Desde então, teve de ser interrompida para que a troca de fornecedora de material esportivo, da Fila para a Puma, fosse executada. A SPR foi a vencedora em concorrência entre três empresas e já é responsável pelas lojas de Corinthians, São Paulo e Vasco.