Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Brooks aposta na Centauro para vender no Brasil

Empresa americana avalia mercado de corrida forte no país

Duda Lopes - São Paulo (SP) Publicado em 28/08/2017, às 08h50 - Atualizado às 11h50

Imagem Brooks aposta na Centauro para vender no Brasil

A marca de tênis Brooks e a rede de varejo esportivo Centauro uniram no sábado (26) um grupo de jornalistas e de influenciadores digitais para anunciar a chegada da empresa americana ao mercado nacional. No topo do Shopping Light, no centro de São Paulo, os convidados testaram os calçados na ação que marcou o início da parceria entre as duas companhias.

A Centauro terá exclusividade de venda da Brooks no Brasil. Ficará nas mãos da empresa toda a estratégia de distribuição dos produtos. Neste primeiro momento, serão 24 lojas com os calçados, número que deve dobrar em novembro e chegar a 124 em 2018. Pelo site, já é possível comprar em qualquer lugar do país.

Em conversa com a Máquina do Esporte, o diretor de desenvolvimento de mercados internacionais da Brooks, Justin Dempsey-Chiam, justificou a escolha: “Há quatro anos nós pesquisamos qual seria a melhor maneira de entrar no mercado brasileiro, porque há uma série de desafios diferentes em um mercado novo. Nosso objetivo é estar com melhor parceiro de varejo em qualquer país”.

Segundo o executivo, o segmento de corrida de rua consegue sobreviver mesmo em um período de crise. Pelos critérios da empresa, que envolve periodicidade do praticante, o Brasil reúne 4 milhões de corredores de rua. E, mais importante para a marca, com uma parcela considerável com condições de arcar com um produto premium, que partirá de R$ 400.

“Nossa maior preocupação quando entramos em um mercado não é a economia, ainda que isso seja considerado, mas é a pergunta: há uma comunidade de corredores nesse país? E, no Brasil, a resposta é sim, com certeza”, afirmou Dempsey-Chiam.

A própria Centauro reforça a capacidade de sobrevivência do segmento de corrida de rua. No último semestre, a área teve crescimento de 12% em relação ao mesmo período do ano anterior. Em julho, a rede de lojas já havia levado ao Brasil as marcas Newton, Hoka One One e Saucony.

“Eu não tenho como pensar no consumidor de corrida sem ter a Brooks. A Brooks é, hoje, a marca mais bem posicionada no mercado norte-americano nas lojas especializadas. Não é que ela seja melhor ou pior que as outras marcas; o que nós queremos proporcionar para o cliente é poder de escolha”, explicou o diretor da área de calçados da Centauro, Fábio Viana.