Com Facebook e cinema, EI fecha com Petrobras e mais quatro

Real Madrid e Barcelona fazem estreias no Esporte Interativo

Real Madrid e Barcelona fazem estreias no Esporte Interativo

O canal Esporte Interativo estreia na próxima quarta-feira mais uma plataforma de transmissão de eventos esportivos. A partida entre Real Madrid e Barcelona, válida pela decisão da Supercopa da Espanha, poderá ser vista via Facebook, além dos canais já utilizados, na televisão e no site do EI. Com o projeto, a emissora conseguiu cinco novos parceiros.

Entre as cinco empresas, apenas a Petrobras já foi divulgada. Elas acertaram com o Esporte Interativo e farão a sua estreia na quarta-feira, com a partida espanhola. As cinco marcas terão cotas nas plataformas da emissora, o que agora inclui a conta do Facebook. O IE, no entanto, faz questão de ressaltar que se trata de uma parceria, e não um simples patrocínio.

Segundo o gerente de marketing do Esporte Interativo, Felipe Aquilino, as empresas envolvidas com a transmissão de quarta-feira não se limitam a fazer uma exposição de marca. “No evento do Cinemark, por exemplo, elas poderão fazer ativações para o público presente. A participação é maior do que seria em um patrocínio”, afirmou.

O referido evento no Cinemark será a apresentação da transmissão no Facebook, e representará também uma possibilidade extra de plataforma. Antes, o Esporte Interativo só havia feito jogos em cinemas com eventos fechados. Agora a intenção é fazer com bilheteria aberta, com partidas transmitidas em diversas salas de diversas cidades.

Para o duelo desta quarta-feira, salas de São Paulo, Rio de Janeiro, Santos, Brasília, Belo Horizonte e Porto Alegre abrirão suas bilheterias para assistir à partida.

Especificamente em São Paulo, a sala não receberá apenas o clássico entre Real Madrid e Barcelona. O Esporte Interativo fará também a entrega do Prêmio Ginga, que será passado ao melhor jogador brasileiro na última temporada. Estarão presentes ex-jogadores como Zico, Rivelino, Pepe e Dario Pereyra.

Com cinema e Facebook, o Esporte Interativo abre, dessa maneira, mais um leque de possibilidades comerciais. Com as novas plataformas, a emissora consegue chegar a um maior número de expectadores e consegue divulgar seus parceiros de diferentes maneiras. Na rede social, por exemplo, as marcas não estarão na transmissão, mas na própria página do canal.