Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Com loja própria, Olympikus passa a vender uniforme do vôlei

Após Máquina do Esporte revelar ausência de camisa da seleção, marca usa canal próprio para vendas

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 26/11/2014, às 08h46 - Atualizado às 10h46

Imagem Com loja própria, Olympikus passa a vender uniforme do vôlei

Quem quiser comprar as camisas da seleção brasileira de vôlei já pode encontrá-las em um site com entrega em todo o Brasil. Há quase um mês, a Olympikus abriu uma loja online própria e, a partir da próxima sexta-feira, os torcedores do time masculino e feminino do time nacional de vôlei poderão comprar os uniformes de jogos.

A camisa da seleção masculina até já está disponível no site da marca brasileira. Nesta semana, o ponta Murilo exaltou o fato em sua conta no Twitter; o jogador é patrocinado pela marca.

São três modelos de jogo disponíveis: verde, amarelo e azul, todos por R$ 99,90. Há também a venda de camisas polo da seleção brasileira, além de tênis com a marca da CBV. Na sexta-feira, os modelos femininos passam a ficar disponíveis para os torcedores.

A comercialização dos produtos da seleção acontece depois de torcedores reclamarem de não encontrar as camisas à venda com facilidade nas principais lojas do mercado.

Em setembro, a Máquina do Esporte havia relatado a dificuldade que os torcedores das seleções de vôlei e de basquete tinham para adquirir os uniformes oficiais, produzidos por Olympikus e Nike, respectivamente.

Na época, a Olympikus chegou a divulgar uma lista de lojas que comercializavam o produto. O acesso, no entanto, era limitado a algumas lojas físicas e quase nenhum endereço virtual.

Além dos uniformes de vôlei, a loja da Olympikus oferece uma série de produtos da marca. São mais de 10 mil artigos ofertados. A aposta é na distribuição mais efetiva. Além de atender todo o país, o frete é gratuito para a grande maioria das regiões.

O handebol também montou uma loja própria, já que a procura pelos produtos da modalidade pelos lojistas é baixa, o que geralmente causa a falta de produtos nas grandes lojas.