Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Com Palmeiras reserva, Globo vê Record encostar na audiência

Jogos da Copa do Brasil ficaram com audiência baixa em São Paulo e no Rio de Janeiro

Duda Lopes - São Paulo (SP) Publicado em 30/04/2015, às 16h59

Imagem Com Palmeiras reserva, Globo vê Record encostar na audiência

Há tempos que o palmeirense não ficava tão empolgado com o time. Com o elenco reforçado, a equipe disputará no próximo domingo a final do Campeonato Paulista, algo que não acontecia desde 2008. Ainda assim, com o time reserva em uma partida contra o Sampaio Corrêa, foi difícil manter o interesse em alta. E, por isso, a Globo sofreu na última quarta-feira.

A disputa contra a equipe nordestina foi válida pela Copa do Brasil, entre os dois jogos da final do Paulista. Com a partida, a Globo ficou com 15 pontos de média, apenas. Essa foi a pior pontuação da emissora em jogos da quarta-feira feira à noite.

O problema, para a Globo, é que a Record teve alta mais uma vez com o Programa do Gugu. O apresentador fez um especial com o colega Geraldo Luiz e conseguiu 13 pontos de média, em uma faixa de horário paralela à partida.

O jogo do Palmeiras, por outro lado, teve mais três pontos na conta, graças à transmissão da Bandeirantes.

O índice baixo na Copa do Brasil não foi uma exclusividade de São Paulo. No Rio de Janeiro, Capivariano e Botafogo ficaram com 19 pontos de média, com 17 para a Globo. Esse também foi o pior Ibope alcançado em uma quarta-feira de futebol neste ano. Assim como o Palmeiras, o clube carioca também está envolvido com a decisão do campeonato estadual.

Cada ponto no Ibope equivale a 67.113 domicílios sintonizados em São Paulo e 42.292 no Rio de Janeiro, ambos apenas nas regiões metropolitanas, referências para o mercado publicitário.