Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Com Paula e Hortência, NBA fará camp feminino no Brasil

Evento será realizado em São Paulo, de 6 a 8 de março, em alusão ao Dia da Mulher

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 04/02/2020, às 07h44 - Atualizado às 10h44

Imagem Com Paula e Hortência, NBA fará camp feminino no Brasil

A NBA fará o primeiro acampamento de treinos exclusivo para mulheres no Brasil. Para promover a iniciativa, a liga de basquete americana contratou as ex-jogadoras Hortência e Paula para serem embaixadoras do projeto.

O acampamento será lançado na semana em que se celebra o Dia Internacional da Mulher. O evento acontecerá entre 6 e 8 de março, no Clube Alto dos Pinheiros, em São Paulo. Paula e Hortência estarão presentes para um bate-papo com as atletas e também para orientá-las dentro de quadra. A programação inclui ainda passeios e palestras com foco em temas que envolvem o universo do esporte feminino.

Foto: Divulgação / NBA Basketball School

"Temos visto cada vez mais o público feminino acompanhando NBA, mais meninas em nossos camps, consumindo a nossa marca, seja pelas transmissões, nas lojas e, principalmente, jogando basquete. Esse camp vai ser muito especial, estamos preparando várias surpresas. Ter Paula e Hortência, ícones do nosso esporte, será, com certeza, muito inspirador", disse Rodrigo Vicentini, head da NBA no Brasil.

LEIA MAIS: Panini lança álbum de figurinhas da temporada 2019/2020 da NBA

O programa será comandado por instrutoras que já atuam nas franquias de escolas da NBA no país, dentro do programa NBA Basketball School. Além disso, haverá palestras com profissionais da área, entre eles o técnico da seleção brasileira feminina, José Neto. As inscrições custam R$ 1.399 para quem optar por também se hospedar durante o período de treinos, e R$ 999 o programa sem hospedagem.

"Em nosso programa, temos visto um crescimento muito significativo do público feminino e faremos algo muito especial para elas. É um grande prazer poder proporcionar uma experiência deste nível para as meninas do programa", afirmou Arthur Borelli, diretor da Think Sports, agência que cuida do NBA Basketball Scholl.