Com pelúcias, Assis Basket busca público infantil

Clube do interior de São Paulo pretende criar clima familiar em jogos

Clube do interior de São Paulo pretende criar clima familiar em jogos

Com o início do Novo Basquete Brasil (NBB), principal torneio nacional, o Assis Basket planeja aproveitar o ambiente familiar entre o público das partidas e atrair crianças para o ginásio. O principal trunfo será Cisko, mascote do time, explorado por meio da confecção de pelúcias.

O boneco será fabricado em cidade próxima, ainda não definida, pelo próprio clube. O mascote tem sido usado pelo marketing do time em ações com sócios-torcedores. Primeiramente, o nome da onça-parda, Cisko, foi escolhido por meio de votação com associados. Agora, as pelúcias servirão como brinde.

"Ainda não sabemos como os bonecos serão produzidos, mas o molde já foi aprovado e as pelúcias serão mais um presente aos nossos sócios", explica o presidente do Assis Basket, Joaquim Carvalho Motta Jr, à Máquina do Esporte. "Nós sempre sorteamos prêmios no fim do NBB, como motos, entre outros".

Atualmente, o clube sediado na cidade de Assis, no interior de São Paulo, possui quase 600 filiados. De acordo com o mandatário, o público nas partidas de basquete costuma estar em torno de 900 torcedores, em ginásio com 6 mil lugares.