Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Contra “guerra” na Libertadores, Fox apresenta campanha com Conmebol

Emissora faz vídeos com apresentadores para chamar torcida de volta aos estádios sul-americanos

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 03/03/2015, às 14h43

Imagem Contra “guerra” na Libertadores, Fox apresenta campanha com Conmebol

A Copa Bridgestone Libertadores é a principal disputa entre clubes da América do Sul. Mas, longe do glamour que se vê na Liga dos Campeões da Europa, o torneio sempre levou a ideia de “guerra” dentro e fora de campo, com imagens rotineiras de violência. A cobrança de escanteio sobre escudos da polícia, por exemplo, virou um dos tristes símbolos do campeonato.

Contra essa imagem de seu principal produto esportivo na região, a Fox passará a exibir uma campanha publicitária em seus canais pelo “retorno da família” aos estádios. Trata-se de um acordo de responsabilidade social assinado com a Conmebol, confederação que organiza a Copa Bridgestone Libertadores.

Os vídeos contam com a presença de nomes que fazem parte da equipe latino-americana dos canais. Apresentadores e comentaristas de Brasil, Colômbia, Argentina e México compartilham histórias que envolvam suas presenças em estádios pela região.

No primeiro vídeo divulgado pela emissora, o apresentador Eduardo Elias conta que foi pela primeira vez ao estádio do Morumbi, com público de 100 mil pessoas, com apenas quatro anos de idade. Elias estava acompanhado do pai e das irmãs. “É possível”, afirma diante das câmeras.

As peças irão ao ar e às redes sociais dos canais Fox. Elas foram gravadas na Cidade do México e em Buenos Aires. No Brasil, também participaram nomes como Paulo Vinícius Coelho, Marina Ferrari, João Guilherme e Gustavo Villani.