Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Corinthians-PR espera 50% de "sucesso"

Corinthians-PR espera 50% de "sucesso"

Gustavo Franceschini em São Paulo - SP Publicado em 09/02/2009, às 09h00 - Atualizado às 11h00

O Corinthians oficializou, na última semana, sua parceria com o J.Malucelli, que passará a se chamar Corinthians Paranaense para aproveitar a força da matriz no Estado. Os novos alvinegros, porém, iniciam o projeto cautelosos. Os cartolas sabem que conquistar a maior torcida da região não será nada fácil, e, por isso, projetam uma ação de sucesso com 50% do público alvo. ?Você até pode pensar em conquistar todos os corintianos do Paraná, mas dificilmente conseguirá realizar isso. Nós sabemos que vamos aglutinar pelo menos parte dessa massa, mas toda ela é algo complicado. Pelo que eu estou sentindo, acho que dá para chegar em 50%?, disse Joel Malucelli, presidente da ?nova? agremiação. A percepção do alcance da mudança é fundamental para a concretização do projeto, especialmente na relação com o mercado. A expectativa de valores consideráveis de patrocínios e ações de marketing depende da popularidade do Corinthians Paranaense. E os primeiros indícios de sucesso já começam a aparecer. O dirigente revelou que o grupo Balaroti, especializado em materiais de construção e baseado no Paraná, demonstrou interesse em estampar sua marca na camisa do Corinthians Paranaense. Atualmente, o Banco Paraná ocupa o espaço master do uniforme como uma forma de apoio à agremiação, já que a instituição financeira pertence à família Malucelli. A chegada de novos parceiros, porém, depende de uma evolução esportiva do clube. ?Hoje nós não temos um calendário cheio. Vamos disputar o Estadual e precisamos ter uma boa colocação para chegar à Série D do Brasileiro. Enquanto não tivermos uma estabilidade nesse sentido vai ser difícil pleitear algo próximo de R$ 1 milhão?, disse Joel Malucelli.