Coritiba vende última cota de aporte ao uniforme

O Coritiba acertou seu último patrocínio para o uniforme. Até dezembro deste ano, a sociedade de empresas agrícolas entre a francesa Limagrain e a brasileira Sementes Guerra, ficará nos ombros do uniforme do Coritiba. Dessa maneira, a marca se junta ao BMG, à Ira e ao JMalucelli na vestimenta do clube paranaense.

A nova marca fará a sua estreia nos gramados brasileiros em um clássico estadual, na partida entre Coritiba e Atlético Paranaense. No ombros do uniforme alviverde, estarão as marcas com as letras “LG”, e o slogan em inglês usado pela empresa francesa, “From Earth to Life”. Antes, o clube fez partidas com um ponto de interrogação no local, sinalizando com a proximidade de um acordo.

O grupo francês Limagrain chegou neste ano no Brasil, em uma parceria com a Sementes Guerra. Trata-se de uma das maiores empresas de sementes do mundo, com alto investimento em engenharia genética. Hoje, quase 70% do seu mercado está restrito à Europa, onde ela é líder em seu segmento. Mantém um faturamento anual em torno de 1,3 bilhão de Euros, com atuação em 30 países.

No Brasil, seus investimentos estão previstos em R$ 91 milhões, com matriz da parceria Limagrain-Guerra na cidade de Pato Branco. Seu principal interesse no país é a venda de milho geneticamente modificado, com foco no mercado interno e em outras regiões da América Latina.

A empresa aproveita, dessa maneira, o bom momento vivido pelo Coritiba em campo. Após retornar à Seria A do Campeonato Brasileiro, a equipe tem feito boa campanha no Campeonato Paranaense e na Copa Kia do Brasil.

Solidariedade

Na última semana, os espaços do ombro no uniforme do Coritiba ficaram reservados a duas empresas: Barion e Pietrobon. Fabricantes de chocolate, cada empresa "pagou" mil ovos de páscoa, que foram doados para crianças carentes. Neste ano, o hospital Pequeno Príncipe também já havia usado gratuitamente o espaço na camisa, para promover o projeto social “Gols pela Vida”.