Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Crise encerra contratações na ESPN

Crise encerra contratações na ESPN

Redação Publicado em 30/01/2009, às 17h00

Abalada pela crise financeira, a matriz da ESPN já indicou aos seus funcionários que aumentos salariais e novas contratações estão fora do planejamento de 2009. O responsável pelo aviso foi ninguém menos que George Bodenheimer, presidente da emissora e diretor esportivo da ABC Sports, eleito o homem mais influente do mercado esportivo no ano passado pelo ?Sports Business Journal?. ?A economia está preocupante, e a ESPN e seus parceiros comerciais, especialmente alguns dos seus maiores anunciantes, estão sentindo o impacto da crise de uma forma mais aguda que em qualquer outro momento da história?, disse o executivo. O comunicado foi enviado por e-mail aos funcionários, e acabou vazando na imprensa quase imediatamente. A expectativa é que 200 cargos não sejam preenchidos, iniciativa que foi considerada um corte de mão-de-obra pela imprensa norte-americana. Nos próximos meses, segundo Bodenheimer, a ESPN fará uma reavaliação de seus custos para reduzi-los. O momento de crescimento, no entanto, pode continuar, já que a emissora espera brigar pelos direitos de transmissão dos Jogos Olímpicos de Inverno em 2014 e Verão em 2016.