Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Cristiano Ronaldo negocia patrocínio com banco suíço

Jogador, que foi embaixador de português Banco Espírito Santo, é pretendido por 3 instituições financeiras

Adalberto Leister Filho - São Paulo (SP) Publicado em 14/04/2015, às 15h57

Imagem Cristiano Ronaldo negocia patrocínio com banco suíço

Cristiano Ronaldo, que negocia patrocínio com três bancos

Cristiano Ronaldo está à procura de um banco. Mas não é para depositar os € 35,3 milhões que recebe de salário do Real Madrid. Desde o fim do contrato com o Banco Espírito Santo, de Portugal, o jogador está sem nenhuma instituição financeira em seu portfólio de patrocinadores.

A situação pode chegar ao fim. Segundo o diário espanhol Marca, o staff de CR7 negocia no momento com o Julius Baer Bank, com sede em Zurique, na Suíça. O Julius Baer Bank foi fundado em 1890 pelo banqueiro do mesmo nome, tendo conseguido um grande crescimento nos últimos anos. Há dois anos, chegou à Espanha.

Depois de entrar há apenas dois anos na Espanha e de adquirir o braço internacional do Merrill Lynch, Julius Baer quer agora ampliar o conhecimento de sua marca em nível global, associando-a ao craque português.

Cristiano Ronaldo durante anos emprestou sua imagem ao Banco Espírito Santo, que não resistiu à crise econômica portuguesa e entrou em bancarrota. O colapso da instituição financeira fez com que o Banco Central de Portugal dividisse o Banco Espírito Santo em dois. Um braço passou a se chamar Novo Banco, o outro manteve o antigo nome.

Apesar da mudança, Cristiano Ronaldo ainda manteve o contrato com a instituição financeira, agora emprestando sua imagem para anunciar produtos do Novo Banco.

Analistas financeiros afirmam que a imagem do jogador contribuiu para que o Banco Espírito Santo ampliasse sua lista de clientes nas unidades da instituição financeira na Espanha. Essa popularidade também é buscada pelo banco suíço.

A disputa promete ser acirrada pelo fato de haver mais dois bancos interessados em contar com Cristiano Ronaldo como embaixador. O Merchant Bank de Middle East e o CreditSwiss também estão interessados na imagem do jogador português.