Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Em acordo inédito, Copa do Nordeste será transmitida no YouTube

Parceria reforça presença da plataforma no esporte e acirrará "briga" no streaming

Erich Beting - São Paulo (SP) Publicado em 05/12/2019, às 07h43 - Atualizado às 10h43

Imagem Em acordo inédito, Copa do Nordeste será transmitida no YouTube

A Copa do Nordeste ganhará mais um veículo de transmissão de seus jogos em 2020. A competição, que é transmitida pelo SBT na própria região e pelo Fox Sports para todo o Brasil, passará a ser exibida também via YouTube.

A novidade foi anunciada durante o YouTube News Soccer Summit, encontro que discutiu melhores práticas de uso da plataforma para os mercados de notícias e de esportes. A transmissão pela rede social de vídeos é uma parceria inédita no mercado brasileiro e marca a chegada com mais força do YouTube nas transmissões ao vivo de eventos esportivos, ampliando a disputa no mercado de streaming. Até então, algumas partidas eram exibidas pelo YouTube ao vivo, mas quase sempre em conteúdo gerado pelos detentores de direitos de mídia que usavam a plataforma. Agora, os jogos serão exibidos no canal oficial da Copa do Nordeste.

Foto: Reprodução

A transmissão é fruto de uma parceria da agência Live Mode, criada pelos ex-sócios do Esporte Interativo Edgar Diniz, Sérgio Lopes e Bernardo Ramalho, com o YouTube. A Live Mode é quem hoje detém os direitos de comercialização da Copa do Nordeste depois de a Turner abrir mão do torneio ao fechar o Esporte Interativo em 2018.

LEIA MAIS: Análise: Interação aponta hábito do streaming

A transmissão via YouTube deve fazer crescer as receitas em plataformas digitais da Copa do Nordeste. Em apresentação durante o evento, Edgar Diniz mostrou que, neste ano de 2019, a competição faturou 23% com as plataformas digitais e outros 77% com a mídia tradicional. Para 2020, a projeção é de que 58% da receita seja oriunda de meios digitais, enquanto a mídia tradicional gerará 42% da verba.

Neste ano, a Live Mode criou um sistema de pay-per-view para a competição, batizado de LiveFC. A plataforma foi o único lugar em que todos os jogos da competição foram exibidos. Agora, a decisão foi por além de ter a receita do assinante, levar também os jogos para transmissão gratuita dentro do YouTube, criando chances para mais monetização por meio de acordos comerciais com marcas durante a transmissão dos jogos.

O acordo reforça um novo momento da plataforma de vídeos para o mercado. Depois de Twitter e Facebook abrirem espaço para as transmissões ao vivo, o YouTube começou a ver na exibição de jogos uma nova fonte de receita. No México, em que 80% dos usuários de internet acessam de alguma forma o YouTube, a Liga Mexicana tem algumas transmissões feitas pela plataforma em parceria com os times. Além disso, os Jogos Olímpicos de Tóquio serão exibidos pelo canal Marca Claro dentro da própria plataforma, em uma experiência inédita no país.