Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Em busca de resgate, São Paulo mira mercado exterior

Clube contrata executivo da Traffic para cuidar de relações internacionais

Erich Beting - São Paulo (SP) Publicado em 08/01/2015, às 07h15 - Atualizado às 09h15

Imagem Em busca de resgate, São Paulo mira mercado exterior

A volta do São Paulo à disputa da Copa Bridgestone Libertadores fará com que o clube passe a mirar um resgate da sua imagem no mercado exterior.

Na última terça-feira o clube anunciou mudanças na diretoria. Eduardo Alfano foi nomeado Diretor de Relações Internacionais com uma nova incumbência. Terá de reaproximar o clube de instituições do exterior e aumentar a presneça da imagem são-paulina lá fora.

“Temos como meta não só ser visto como um time de futebol, mas como uma organização esportiva de excelência”, disse Alfano à Máquina do Esporte.

Para isso, o clube contratou um executivo para a área, a exemplo do que acontece em outros departamentos. Rafael Botelho, que estava na Traffic havia seis anos, será o responsável por desenhar o projeto de expansão internacional do clube. O plano será apresentado ao presidente Carlos Miguel Aidar no fim do mês.

“Por quase três meses fomos buscar um profissional no mercado para atender as exigências que tínhamos, de levar a bandeira e a marca do São Paulo para diversos players do mercado do exterior”, afirmou Alfano.

A função de Botelho será a de reaproximar o clube das confederações esportivas e, também, de outros clubes, sem ligação com contratação de jogadores.

Nos últimos anos, Botelho era o responsável pelo projeto da Copa América dentro da Traffic, cuidando da gestão do evento com a agência Full Play e com a Conmebol. Antes, ele havia sido advogado da agência de J. Hawilla e trabalhado em escritórios de advocacia na área esportiva.

“Acreditamos que ele tenha a competência e o conhecimento para que possamos atingir os objetivos”, finalizou Alfano.

A diretoria internacional, de acordo com o dirigente, vai trabalhar em conjunto com as de marketing e institucional para traçar os planos de expansão da marca do São Paulo no exterior.