Em patrocínios, Federer ainda supera Rafael Nadal

Nadal: líder em resultados, distante em faturamento

Nadal: líder em resultados, distante em faturamento

O tenista espanhol Rafael Nadal desbancou o suíço Roger Federer em junho deste ano e se tornou o número 1 do ranking mundial da modalidade. A inversão entre os dois, contudo, ainda se limita ao que acontece nas quadras. Em termos de faturamento com publicidade, o ex-líder permanece soberano.

Segundo a revista “Forbes”, Nadal recebe atualmente algo em torno de US$ 15 milhões anuais oriundos de patrocinadores. O faturamento de Federer com campanhas publicitárias chega a US$ 35 milhões por ano.

Um exemplo dado pela revista para mostrar o quanto a figura de Federer ainda vale mais do que a de Nadal é a negociação com a Nike. A empresa norte-americana de material esportivo patrocina os dois tenistas, mas paga US$ 10 milhões anuais ao suíço e US$ 7 milhões ao espanhol.

Além de ter tomado do suíço o primeiro lugar do ranking mundial, Nadal entrou para um grupo restrito neste ano. Com a vitória no Aberto dos Estados Unidos, o espanhol passou a ser o sétimo da história a conquistar os quatro torneios de Grand Slam.