Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

ESPN chega a acordo com Fox Sports, e passa a transmitir Campeonato Italiano

Torneio, que volta à grade da emissora após 2 anos, tem 1º transmissão neste sábado, com Chievo x Milan

Adalberto Leister Filho - São Paulo (SP) Publicado em 27/02/2015, às 01h00 - Atualizado às 04h00

Imagem ESPN chega a acordo com Fox Sports, e passa a transmitir Campeonato Italiano

Tévez comemora gol da Juventus contra o Milan pelo Italiano

A ESPN fechou acordo com a Fox Sports, e passará a transmitir, a partir deste final de semana, o Campeonato Italiano após intervalo de dois anos. 

No sábado, a emissora fechada estreia o torneio em sua programação com o jogo entre Chievo x Milan, exclusivo, a partir das 16h45. Na segunda-feira, transmite, de forma conjunta com a Fox Sports, Roma x Juventus, no mesmo horário. Será o confronto entre a atual tricampeã e líder do torneio contra a segunda colocada.

O acordo com a Fox Sports vale até o final desta temporada. Pelo contrato, em todas as rodadas as duas emissoras contarão com jogos exclusivos. Neste ano, a ESPN também já havia obtido novamente os direitos de transmissão da final da Copa do Rei, que está na fase semifinal. Athletic Bilbao x Espanyol e Barcelona x Villarreal disputam um lugar na decisão.  

Com essas aquisições, a emissora por assinatura conta, nesta temporada, com os principais campeonatos nacionais europeus: Inglaterra (Premier League, Copa da Inglaterra e Copa da Liga Inglesa), Espanha (La Liga e Copa do Rei), Alemanha (Bundesliga e Copa da Alemanha), Itália (Série A e Copa da Itália), França (Ligue 1), Portugal (Primeira Liga), Holanda (Eredivisie), Rússia (Primeira Liga Russa), Grécia (Superliga Grega), Turquia (Süper Lig) e Ucrânia (Premier League Ucraniana). Além das competições nacionais, a ESPN ainda conta com a Liga dos Campeões e a Liga Europa.

 É uma das estratégias da emissora para se recuperar após a frustrante perda dos direitos de transmissão da Liga dos Campeões a partir da próxima temporada. A TV Esporte Interativo venceu a concorrência no Brasil. Há vários anos, o torneio europeu de clubes tem sido o carro-chefe da emissora, que não transmite o Brasileirão, nem a Copa Libertadores.

“É lógico que é um baque perder a Liga dos Campeões, mas estamos trabalhando para diversificar a programação, e para que o público sinta saudades da Liga dos Campeões transmitida pela ESPN”, afirmou João Palomino, vice-presidente de jornalismo e produção da ESPN.