Federer e Nadal fazem duelo inédito

Os dois maiores ícones do tênis atual vão se confrontar de forma inusitada para promover a modalidade. No dia 2 de maio, em Palma de Mallorca, na Espanha, Roger Federer e Rafael Nadal, líderes do ranking da entidade, vão disputar uma partida-exibição em uma quadra metade grama, metade saibro. O investimento para a realização do jogo, cuja idéia original é da agência publicitária Del Campo Saatchi & Saatchi, supera 1,2 milhão de euros (R$ 3,4 milhões). A chamada "Batalha das Superfícies" poderá ser vista por 6,8 mil espectadores na Arena de Palma. A cada troca de lado na quadra, os dois tenistas deverão trocar os tênis para maior adaptação ao piso. Federer é o atual campeão de Wimbledon, principal torneio disputado na grama, enquanto o espanhol é considerado o melhor jogador de saibro do momento, após o bicampeonato em Roland Garros, onde venceu em 2005 e 2006. O evento foi apresentado no último final de semana pelo diretor-geral de esportes do Governo das Ilhas Baleares, José Luis Ballester, que classificou o encontro como um "acontecimento único" para o tênis. "A partida terá grande repercussão internacional, circunst"ncia que vem de encontro com o objetivo do governo balear de vincular grandes acontecimentos esportivos com a promoção turística das ilhas", disse Ballester. Apesar do descontentamento de Federer e Nadal com a Associação dos Tenistas Profissionais (ATP), a entidade quer aproveitar a imagem dos dois principais jogadores do circuito para promover ainda mais o esporte. Nesta segunda-feira, o suíço reiterou suas críticas à ATP, pedindo maior participação dos tenistas nas decisões sobre as mudanças no tênis. Nadal, continuamente, tem feito queixas públicas sobre a forma como a ATP vem conduzindo o projeto que pretende modificar algumas regras do circuito a partir de 2009. Ao todo, 65 atletas já assinaram um manifesto contra a entidade máxima do tênis.