Flamengo renova com BMG e espera por TIM

Val Baiano voltou a fazer gols, e o Flamengo a fazer dinheiro

Val Baiano voltou a fazer gols, e o Flamengo a fazer dinheiro

O Flamengo acertou a renovação com o BMG para a exposição da marca na manga de sua camisa, e está prestes a apresentar também um acordo com a TIM. Ambos os contratos vencerão em dezembro de 2011. Por outro lado, o time perderá a Batavo para a próxima temporada.

Com o BMG, que já patrocina clubes com o Cruzeiro e o São Paulo, o Flamengo receberá R$ 9 milhões pela renovação do contrato. Já a TIM continuará com a prática de colocar a marca dentro dos números dos uniformes do futebo brasileiro, e pagará R$ 2,2 milhões ao Flamengo por essa propriedade.

O lado ruim do marketing flamenguista está no abandono da Batavo, que já confirmou que não renovará seu contrato com o time carioca. O diretor-executivo do clube, Harrison Baptista, justificou a saída da empresa de laticínios afirmando que não se tratou de um empecilho com o Flamengo, mas sim uma mudança de postura da companhia. “São questões estratégicas dentro do mercado do futebol”, afirmou.

Por outro lado, o clube espera aumentar os seus ganhos com um novo patrocinador máster. Atualmente, o Flamengo recebe R$ 21 milhões anuais da Batavo pelo direito de expor sua marca no peito e nas costas do uniforme rubro-negro. Ainda que não tenha nada oficialmente fechado, o marketing rubro-negro trabalha com a possibilidade de ganho em torno de R$ 24 milhões para 2011.

Os desafios, no entanto, serão maiores. Neste ano, o Flamengo contou com a vantagem em negociação de ser o atual campeão brasileiro, além de ter vaga na Copa Santander Libertadores. Para 2011, o marketing do clube terá que justificar ao mercado uma valorização de 15% a despeito de uma exposição menor.