Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Flu não vai tirar Parreira da Traffic

Flu não vai tirar Parreira da Traffic

Erich Beting e Guilherme Costa em São Paulo - SP Publicado em 11/03/2009, às 08h00 - Atualizado às 11h00

Depois de demitir o técnico René Simões, o Fluminense acertou na semana passada com Carlos Alberto Parreira, campeão do mundo com a seleção brasileira em 1994. Esse acordo dará início a uma jornada dupla para o comandante, que não deixará suas funções no projeto de revelação de jogadores da Traffic. Parreira vinha trabalhando como consultor-técnico da empresa de marketing esportivo, função que vai acumular com o cargo de treinador do Fluminense. Ele participará de reuniões de planejamento estratégico e fará duas palestras mensais para jogadores e profissionais das comissões técnicas do Desportivo Brasil, time mantido pela Traffic. ?A intenção é essa. Já conversamos com o Parreira, que vai ficar com os dois cargos. As funções dele na Traffic são menos ligadas ao dia-a-dia?, lembrou Júlio Mariz, presidente da empresa de marketing esportivo. A confiança da Traffic na capacidade de Parreira se dividir entre as duas funções é tão grande que a empresa foi uma das principais incentivadoras do acerto entre o treinador e o Fluminense. ?Nós apoiamos, mas continuamos apostando no trabalho dele. Faremos uma viagem para o Qatar nos próximos dias, por exemplo, e ele fará parte da comitiva?, completou Mariz. Além de Parreira, o projeto de revelação de jogadores da Traffic se baseia em uma série de nomes ilustres. Pitta trabalha como treinador do Desportivo Brasil, Zetti comanda o Ituano, Galeano trabalha na parte administrativa e Dario Pereyra atua como coordenador.