Grêmio e Inter se reúnem com Banrisul nesta quarta

Executivos farão "ajustes finais" em encontro agendado para quarta

Depois de patrocínios expirarem no fim de junho deste ano, Grêmio e Internacional continuaram usando a marca do Banrisul na principal cota das respectivas camisas. A atitude deverá deixar de ser uma gentileza para se tornar formal em breve. A dupla tem reunião marcada com o banco na próxima quarta-feira (4) para finalizar o novo acordo.

"Pelo tipo da relação que nós temos com eles, de longa data, muito forte, com satisfação de ambas as partes, a assinatura do contrato é mera formalidade", afirma Paulo César Verardi, diretor de marketing gremista, à Máquina do Esporte. O encontro, amanhã, servirá para "ajustes finais" da nova fase da parceria, de acordo com ele.

A continuidade do Banrisul nas cotas máster de Grêmio e Inter já é dada com certa pelas partes envolvidas há várias semanas, e a assinatura do novo contrato é a única pendência para tal. O banco gaúcho, parceiro dos dois times desde 2001, chegou a ter a concorrência de outras instituições, como o BMG, mas está próximo de assegurar o negócio.

A parceria entre Banrisul e gaúchos só não é mais longa do que a existente entre Unimed e Fluminense, que se uniram em 1999, quando o clube carioca estava na terceira divisão do Campeonato Brasileiro. O patrocínio do banco gaúcho vem subindo gradativamente. O penúltimo contrato era de R$ 3,6 milhões anuais, e o último, de R$ 7 milhões.