Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Heineken "tira" Amstel de patrocínio da Europa League

Cervejaria decide priorizar lançamento de cerveja sem álcool em competições

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 03/08/2020, às 11h28

Imagem Heineken "tira" Amstel de patrocínio da Europa League

Nova aposta global da Heineken, a marca de cerveja não-alcoólica Heineken 0,0% passará a ser a nova patrocinadora da Europa League, que a partir desta quarta-feira (5) dá início à retomada da competição em quatro cidades da Alemanha: Colônia, Duisburg, Düsseldorf e Gelsenkirchen.

O anúncio foi feito na manhã desta segunda-feira pela Uefa, organizadora da competição. O acordo firmado com a cervejaria fará com que a marca Amstel, que até então era a patrocinadora da competição, seja tirada do torneio em sua reta final.

Além de mudar a marca que usará nas ativações do torneio, a Heineken ampliou o patrocínio, que iria até o próximo ano e, agora, continuará até o final da temporada 2023-24.

Segundo informações do site SportBusiness, o novo acordo vale cerca de € 10 milhões (US$ 11,7 milhões) por ano, o que significa a injeção de € 40 milhões nos cofres da segunda principal competição entre clubes do continente.

Hans Erik Tujit, diretor de patrocínio da Heineken, quer usar o patrocínio para comunicar a responsabilidade na ingestão de bebidas alcoólicas.

"A Heineken 0,0% registrou um crescimento incrivelmente forte nos últimos anos, por isso temos o prazer de anunciar seu primeiro grande patrocínio no momento em que o futebol está disponível para assistir quase todos os dias da semana. Consideramos crucial incentivar o consumo responsável e dar aos consumidores uma escolha".

A empresa tem usado a marca Heineken 0,0% em suas ativações no segundo semestre. Tem sido assim na Fórmula 1 e a tendência é de que também seja assim na Champions League, que retorna na próxima sexta-feira. 

Em entrevista ao podcast Os Maquinistas, da Máquina do Esporte, Vanessa Brandão, diretora de marketing da Heineken no Brasil, explicou um pouco mais sobre o uso da nova marca nos patrocínios (ouça ao podcast aqui).

Os ativos de patrocínio da Heineken 0,0% na Europa League incluem exposição na publicidade de LED, mídias digitais, entrada das equipes, exibição de jogos em locais públicos e brindes de ingressos, que atualmente não acontecerão pela proibição da presença de público nos estádios.

A ideia é inserir o patrocínio na comunicação "Agora você pode" da marca Heineken 0,0%. Com o aporte, apenas duas competições entre as principais da Uefa não contam com o patrocínio da marca Heineken: a Liga das Nações masculina e a Euro 2021 feminina.

"Com a introdução da Uefa Europa Conference League a partir da temporada 2021-22 e o compromisso da Heineken já confirmado para os próximos quatro anos, esperamos ajudar a Heineken a 0,0% a estabelecer sua posição no futebol europeu de clubes e se firmar como a maior patrocinadora não-alcoólica do futebol", disse Guy-Laurent Epstein, diretor de marketing da Uefa Events SA. 

Já a Amstel deverá reduzir sua presença em competições de alcance global. A ideia da Heineken é de focar em plataformas que têm um forte impacto local e regional em regiões que a marca esteja crescendo. Com isso, por exemplo, o apoio à Copa Libertadores na América do Sul se fortalece.