Inter mira 5 mil associados mirins até fim de 2012

Crianças terão carteirinha e benefícios por R$ 5 mensais

Crianças terão carteirinha e benefícios por R$ 5 mensais

Com 103 mil associados, o Internacional pretende inflar novamente o quadro social, dessa vez com crianças de até 11 anos. Embora não possa oferecer nenhum benefício financeiro, uma vez que a legislação do Rio Grande do Sul já garanta acesso gratuito aos estádios a esse público, o clube criou o "Sócio Coloradinho" para fidelizá-lo.

"A ideia é que a criança já tenha contato com o clube desde cedo, esteja acostumada com ser sócia", afirma Norberto Guimarães, diretor de relacionamento com sócios da equipe. O valor demandado é simbólico: R$ 5 mensais, mais R$ 20 pela confecção da carteirinha. Já há 400 cadastros feitos, e a meta é atingir cinco mil até dezembro.

O Internacional também prevê o lançamento de página na internet voltada para esse público, a exemplo do que fez o Grêmio com o "Grêmio Toons", composta por jogos, brincadeiras e histórias relacionadas ao time alvirrubro. A partir de março, também será enviado um gibi alusivo à equipe para todos os sócios dessa nova modalidade.

Um dos indícios de que esse projeto será bem sucedido está no quadro social atual, no qual 3,7 mil filiados possuem menos de 12 anos, isto é, são registradas por parentes. "O pai vai logo no nascimento e faz a matrícula, mesmo sem ter muitos benefícios para a criança, a maioria por amor ao clube", conta o diretor colorado.

Outros clubes que se destacaram pelas ações de marketing voltadas para o público infantil são o Grêmio, já citado, com página dedicada a ele na internet, o Vasco e o Botafogo. Os cariocas investiram em produtos licenciados feitos para crianças e jovens. O Vitória também esboça iniciativas nesse sentido, mas ainda restrito ao mascote.

Leia mais:

Com Aplub, Inter sorteia R$ 1 mil semanal entre sócios