Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Inter recolhe 3 mil produtos não-oficiais

Inter recolhe 3 mil produtos não-oficiais

Redação em São Paulo - SP Publicado em 19/02/2009, às 15h00

O Internacional anunciou, nesta quinta-feira, o fim da primeira fase de sua estratégia mais ousada de combate à pirataria. Em parceria com um escritório de advocacia especializado, o clube recolheu cerca de três mil produtos falsificados no centro de Porto Alegre. ?Com essa intensificação, esperamos recuperar nos próximos 15 meses 40% da receita da área de licenciamento do clube, que fechou em 2008 em R$ 4,5 milhões?, disse Jorge Avancini, vice-presidente de marketing do Internacional. Mais que o valor em questão, R$ 1,8 milhão, a iniciativa do clube representa o pontapé inicial no projeto de licenciamentos que deve ser implementado nesta temporada. O Inter pretende contar com mais de cem lojas oficiais em todo o Brasil, mas entende que o combate à pirataria é peça fundamental no processo de valorização da marca. Além dos três mil produtos apreendidos, a parceria ainda contabilizou 350 metros de tecidos que seriam utilizados na confecção de artigos. Os lojistas responsáveis pelas vendas, além de perderem a mercadoria, ainda estão sujeitos a multa em caso de reincidência.