Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Itaú busca reforçar conceito em patrocínio ao Rio Open

Banco visa público estratégico e faz ações voltadas para responsabilidade social

Alexandre Cossenza - Rio de Janeiro (RJ) Publicado em 18/02/2015, às 12h16

Imagem Itaú busca reforçar conceito em patrocínio ao Rio Open

O Itaú foi uma das primeiras marcas a confirmar, em 2014, o patrocínio ao Rio Open. Agora, o banco tenta aproveitar o segundo ano de relacionamento com o torneio para reforçar sua campanha publicitária.

“Temos um propósito muito bem definido que é o Itaú existir, sem demagogia, para transformar as vidas das pessoas para melhor”, diz Paulo Marinho, superintendente de comunicação corporativa do Itaú.

No Jockey Club Brasileiro, o banco implementa um punhado de ações, que vão desde as de cunho social até às voltadas para públicos estratégicos. A iniciativa que mais chama atenção é um estande chamado “Espaço Itaú”. Nele, um paredão simula uma quadra para o visitante testar habilidades. O jogo tem um ranking diário, e cada ponto somado é acumulado. Quanto mais pontos, mais bolas doadas ao Instituto Tennis Route, que administra um projeto social.

“A pessoa se sente importante porque ela brinca, interage com a marca e está ajudando, com a pontuação dela, a somar mais bolinhas que serão doadas. Literalmente, vai transformar a vida das pessoas”.

O executivo reconhece que a proposta é ousada, mas frisa que o objetivo é exatamente esse: “A gente poderia distribuir um brinde, dar um chaveirinho e ficar focado até mais no nosso negócio, que é abrir conta corrente… Mas essa não é nossa preocupação. O propósito é ter a pessoa participando com a marca e se sentir ajudando. Está dentro do conceito de ajudar a mudar o mundo”.

As ações do Itaú se estendem também à Quadra Central, com 250 convidados por dia, e ao Corcovado Club - a área VIP do Rio Open -, com outros cem clientes do banco. E o pacote se completa com mais quatro iniciativas. A cada dia, um convidado entra em quadra junto com os tenistas para lançar a moeda e fazer o sorteio inicial da partida; há também um bate-bola com o vencedor de um dos jogos da sessão noturna e um “meet and greet” diário com um tenista que visita o espaço do Itaú no Corcovado Club.

Além disso, nos últimos dias, filhos de clientes entrarão em quadra acompanhando os tenistas que jogarão as finais de simples masculina e feminina.