Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Judô aposta em marca com loja virtual

Judô aposta em marca com loja virtual

Gustavo Franceschini em São Paulo - SP Publicado em 26/01/2009, às 15h00

A Confederação Brasileira de Judô, que revelou em dezembro um projeto grandioso de expansão da modalidade no país, deve começar a se aproximar do público consumidor como marca em 2009. O primeiro passo para a criação de uma relação desse tipo foi dado no fim de dezembro passado, com o lançamento da loja virtual da entidade. A ideia é vender equipamentos esportivos como quimonos, agasalhos e bonés com a logomarca da CBJ. Os dirigentes esperam que produtos como esses espalhem a imagem do esporte em todo o território nacional, processo que não deve render dividendos imediatamente. ?É uma parceria com a Mizuno, que já é a nossa parceira. O projeto ainda está começando, e no momento queremos colocar o judô de uma forma mais acessível para as pessoas. E a maior parte dos valores nós devemos repassar para os próprios atletas?, disse Maurício Santos, diretor de marketing da entidade. O processo deve ficar completo com o decorrer das atividades do esporte durante o ano. Sede de duas competições internacionais no novo calendário do judô, o Brasil vai abrigar lojas itinerantes da CBJ durante as competições. ?Essa é uma das formas de ativação com a qual estamos trabalhando. Temos uma rede de produtos muito boa, e vamos completar um mês na internet com quase cinco mil acessos. Nesse tempo, deu para perceber que o judô tem espaço em vários locais do país?, concluiu Santos.