Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Juventude e arte unem Adidas e rivais

Juventude e arte unem Adidas e rivais

Guilherme Costa em São Paulo - SP Publicado em 08/06/2010, às 17h00

Lançada nesta terça-feira, a nova campanha mundial da Adidas para o futebol aproxima a empresa alemã de rivais em dois aspectos. A companhia alemã apostou em conceitos presentes na cultura jovem e na união entre futebol e arte, e com isso assumiu focos parecidos com os de Nike e Umbro. A nova campanha da Adidas é chamada ?The quest? (?A busca?, em tradução livre). A empresa elegeu um representante em cada uma das 32 seleções que disputarão a Copa do Mundo deste ano, transformou esses atletas em personagens, construiu perfis com elementos de histórias em quadrinho e transformará o torneio em um duelo desses jogadores. Além disso, a Adidas convidou pintores africanos para fazerem desenhos diários sobre os principais assuntos (jogos, times, torcedores ou jogadores, por exemplo) da Copa do Mundo. Essas gravuras serão leiloadas, e o dinheiro arrecadado será destinado à fundação Nelson Mandela 46664. Quando incluiu ideias de histórias em quadrinhos e decidiu criar graphic novels sobre seus atletas, a Adidas percorreu caminho similar ao foco recente da Nike. A rival americana, que também pretendia se aproximar da linguagem jovem, lançou neste ano uma coleção de roupas inspiradas em seleções nacionais, mas com elementos de grafite urbano. A criação da linha com grafite também incluiu ideias de arte nos produtos da Nike, mas a aposta ficou ainda mais clara em uma coleção lançada neste ano pela Umbro. A marca que patrocina a seleção inglesa produziu camisas das seleções que já venceram a Copa do Mundo, e cada uma dessas peças foi desenhada por um artista local. A Umbro foi adquirida pela Nike por US$ 582 milhões em outubro de 2007. A campanha baseada em desenhos de artistas consagrados faz parte de um projeto de renovação da marca, que também quer se tornar mais jovem. ?O mercado do futebol tem uma import"ncia enorme para nós, e por isso faz todo sentido investir nele. E se existe um grande investimento a ser feito no futebol, esse investimento é a Copa do Mundo. Valorizamos a parceria com esse evento, e tentamos aproveitar os meios que temos para repetir o sucesso que a Adidas tem conseguido nessa associação?, disse Thomas van Schaik, diretor de relações públicas globais da Adidas.