Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

LeBron James ironiza NBA em prévia de discussão de salários da liga

Ala do Cleveland Cavaliers chama entidade de Associação Nacional de Negócios e quer

Adalberto Leister Filho - São Paulo (SP) Publicado em 25/02/2015, às 16h34

Imagem LeBron James ironiza NBA em prévia de discussão de salários da liga

LeBron James, em jogo do Cleveland Cavaliers na NBA

A associação dos atletas da NBA terá um aliado de peso para a negociação do novo acordo coletivo de trabalho. LeBron James foi nomeado vice-presidente da entidade e promete ser duro nas negociações. O ala do Cleveland Cavaliers tem discutido bastante o assunto com o presidente da entidade, o armador Chris Paul, do Los Angeles Clippers.

“Entendo a importância do negócio do basquete. A NBA é a National Business Association [Associação Nacional de Negócios]”, ironizou LeBron James. “Entendo isso, mas quero assegurar-me de que os jogadores estejam protegidos”, acrescentou.

O acordo coletivo em vigor nasceu após um locaute (greve de patrões) que obrigou a atrasar em quase dois meses o início da temporada 2011-2012. Os termos de então poderão ser renegociados em 2017, um ano antes da entrada em vigor do novo contrato de TV, que foi formalizado em outubro.

“Vamos conversando durante o resto da temporada”, conta LeBron, sobre as discussões com Chris Paul para apresentar uma proposta dos jogadores para as franquias.

O novo contrato de TV, válido por dez anos, irá render à liga US$ 24 bilhões. Com o acordo, a verba anual subirá de US$ 966 milhões para US$ 2,4 bilhões, o que representa um aumento de quase 150%. “Queremos seguir construindo essa maravilhosa liga e seguir o caminho que tomamos. Esperamos que haja um acordo que beneficie ambas as partes”, afirmou o ala do Cleveland.