Londrina deve migrar para Curitiba para disputar NBB

Clube teria suporte financeiro de grupo de empresas e prefeitura

Clube teria suporte financeiro de grupo de empresas e prefeitura

O basquete de Londrina está muito próximo de retornar ao Novo Basquete Brasil (NBB), porém não mais como representante da cidade paranaense. A Associação Desportiva de Londrina, integrante da Liga Nacional de Basquete (LNB), que está sob licença, pretende voltar ao campeonato nacional neste ano, mas na capital do Estado, Curitiba.

A equipe disputou a temporada 2009/2010 do NBB, mas sofreu problemas financeiros com a saída de patrocinadores e teve de desistir da participação em 2010/2011. Agora, a cidade de Curitiba possui pool de empresas interessado em patrocinar o time, apoiado pela prefeitura municipal, e as finanças devem determinar a mudança.

Naturalmente, é improvável que o clube continue sendo denominado como Londrina. A nomenclatura a ser utilizada durante o próximo campeonato nacional, que tem início em 18 de novembro deste ano, ainda não foi definida, mas deverá levar o nome de Curitiba.

Diferentemente da Liga Sorocabana e do Tijuca Tênis Clube, equipes que devem passar a disputar o NBB nesta temporada, o Londrina não teve de passar pelos mesmo processo de inclusão, que consiste em vencer a Super Copa Brasil, pois já era filiado à liga.

A volta do clube ao principal torneio da modalidade no país seria similar ao que fez o Winner/Limeira. A equipe do interior de São Paulo também sofreu problemas financeiros em 2009 e não pôde disputar a segunda edição do Nacional, mas retornou em 2010.

A troca de cidade-sede para conseguir patrocínios também não é novidade. Em meados deste ano, o Assis Basket tentou deixar o município de origem e rumar para Marília, no intuito de conseguir apoio da prefeitura local e de grupo de empresas, mas a o plano malogrou.